Festival Eurovisão da Canção está a todo o vapor. Se ainda não sabes como funciona a votação e ainda como é processado o apuramento para a Grande Final, o Espalha-Factos explica-te tudo.

O primeiro ponto que tens de saber é que, das 35 músicas que vão disputar as semifinais, apenas 20 vão continuar em prova. Ou seja, em cada semifinal apurar-se-ão 10 canções.

Lê também: Holanda continua a liderar apostas, mas tem rivais a subir

A decisão será feita através de uma valorização em 50% dos votos do público, em conjunto com o voto do júri, que conta outros 50%. Cada país concorrente tem um júri de cinco elementos que votará, durante o ensaio geral que decorre no dia anterior, nas suas 10 músicas favoritas, atribuindo pontuação entre 1 e 12 pontos (1-8, 10 e 12 pontos). Ou seja, durante os intitulados ‘Jury Shows’.

Os países concorrentes de cada semifinal votam na sua semifinal. Os Big 5 e o país anfitrião, já apurados para a final da Eurovisão, são divididos pelas duas semifinais: três numa e três noutra. Israel, Espanha e França votam na primeira semifinal; Itália, Reino Unido e Alemanha participarão na deliberação da segunda.

De referir que os resultados das votações para as semifinais não serão divulgados até ao último minuto da Grande Final, de modo a não influenciar as votações.

Quem constitui as semifinais?

Primeira semifinal:
  • Austrália
  • Bielorrússia
  • Bélgica
  • Chipre
  • Eslovénia
  • Estónia
  • Finlândia
  • Geórgia
  • Grécia
  • Hungria
  • Islândia
  • Montenegro
  • Polónia
  • Portugal
  • San Marino
  • Sérvia
  • República Checa
Segunda semifinal:
  • Albânia
  • Arménia
  • Áustria
  • Azerbaijão
  • Croácia
  • Dinamarca
  • Irlanda
  • Letónia
  • Lituânia
  • Malta
  • Moldávia
  • Macedónia do Norte
  • Noruega
  • Países Baixos
  • Roménia
  • Rússia
  • Suécia
  • Suíça

Na Grande Final, o sistema de 50/50 volta a repetir-se, mas dessa feita com a participação de todos os 41 países, incluindo aqueles que não conseguiram apurar-se para essa última fase.