O estúdio de animação Ghibli, conhecido pelo trabalho dos realizadores Hayao Miyazaki e Isao Takahata, inaugurará em 2022 um parque temático em Nagoya, no Japão. 

O anúncio da construção do parque foi feito no verão passado, e a câmara municipal de Aichi veio agora confirmar novos detalhes em declarações ao The Japan Times. 

O projeto pressupõe duas vertentes distintas. Um parque temático tradicional, bem como um local onde os visitantes possam interagir com a natureza. O espaço terá diversões, divididas por diversas áreas, bem como trilhos florestais baseados em filmes como O Meu Vizinho Totoro (1988), Kiki – A Aprendiz de Feiticeira (1989) e O Castelo Andante (2004).

O parque será construído à imagem da arquitectura tradicional europeia presente nos filmes de Miyazaki. A entrada acolherá os visitantes com uma estrutura típica do século XIX, a evocar O Castelo Andante , e  uma recriação da loja de antiguidades de O Sussuro do Coração (1995).

Foto: Aichi/Ghibli

Ao estilo arquitectónico europeu, associam-se as marcas do arquipélago japonês. Na vila da Princesa Mononoke (1997), veremos instalações de aranhas gigantes e de deuses javalis, as quais pretendem evocar o espírito mitológico do passado japonês.

Foto: Aichi/Ghibli

O grande armazém Ghibli será uma zona repleta de parques infantis, áreas de exposição e pequenos cinemas. Já no Vale da Bruxa, o mundo de Kiki e de Howl unem-se num só estilo.

Foto: Aichi/Ghibli

A última área temática a ser anunciada é a floresta Dondoko. Esta zona do parque parte de uma casa pré-existente, a casa de Totoro aqui construída para a Feira Mundial de 2005. 

Foto: Aichi/ Ghibli

O Futuro de Miyazaki

Para além deste novo parque, os fãs do estúdio podem esperar novidades no que toca à carreira de Miyazaki. No próximo dia 21 de março, a curta-metragem Boro the Caterpillar estreará no Museu Ghibli, nos arredores de Tóquio

De acordo com o site do museu, o filme conta a história de uma lagarta acabada de sair do casulo, que começa a conhecer o mundo e a confrontar-se com lagartas mais velhas e com os seus inimigos.

Já em 2021, a suposta última longa do realizador será lançada: Kimi-tachi wa Do Ikiru ka (How Do You Live?). O filme é baseado no livro do mesmo nome do autor Genzaburo Yoshino, e narra o coming of age de um jovem chamado Koperu. Toshio Suzuki,  produtor principal do estúdio Ghibli, descreve o filme como “acção e aventura fantasiosa” desenhada à mão.