Boss AC

Boss AC: O ‘Patrão’ está de volta

Passados seis anos da edição do último álbum de originais, Boss AC prepara-se para lançar um novo EP. Patrão adivinha o próximo álbum do artista e contou com participações dos Black Company e DJ Ride.

É ainda este mês que o novo trabalho de Boss AC vai ser revelado, nas lojas digitais a partir de dia 27. Queque foi é o single que vai também desvendar o EP. É o primeiro trabalho do rapper desde 2012, quando editou AC para os amigos.

Não estou de volta porque nem cheguei a bazar” é a frase com que Boss AC descreve Patrão. A editora Universal refere que o próprio nome do EP não foi pensado ao acaso.

No álbum anterior, ‘AC Para os Amigos’, quase que passei o ‘Boss’ para segundo plano. Agora faço o oposto, rendi-me às evidências – é assim que as pessoas me conhecem. O nome é mais do que natural. Sou o Boss AC, as pessoas conhecem-me por ‘Boss’. Daí o título do EP: ‘Patrão’”, pode ler-se no comunicado de imprensa.

O EP é o cartão de visita para o álbum que aí vem. Quanto a esse trabalho, o artista seguiu um conceito ligado às ideias “ontem, hoje e amanhã”. AC pretende traçar uma linha temporal. Não esquecer o que já foi, lembrar que continua a fazer música e manter os olhos no futuro são os pressupostos.

Em Patrão, o tema Verdadeiro contou com as colaborações dos Black Company e de DJ Ride. “Uma viagem pela história do hip hop português no qual contamos como nos apaixonámos por esta cultura e um pouco do nosso percurso”, descreve.

O percurso de AC

Ângelo Firmino, conhecido por Boss AC, nasceu em Cabo Verde mas foi em Portugal que seguiu carreira. Considerado um dos pioneiros no hip-hop português, o primeiro registo discográfico de AC vem dos anos 90.

Em 1994, o artista participou em Rapública, onde foi também produtor, numa compilação que envolveu vários artistas de rap portugueses. O primeiro disco de estreia de Boss AC veio a público em 1997, Manda Chuva. Seguiram-se Rimar contra a maré, em 2002, Ritmo, Amor e Palavras, em 2005, e Preto no Branco, em 2009. AC para os amigos era o mais recente trabalho, editado em 2012.

O cantor foi também candidato, em 2006, pela segunda vez consecutiva, aos prémios da MTV Europe. Best Portuguese Act foi a categoria em que Boss AC foi nomeado, proeza que nenhum outro músico português alcançou.

Durante o seu percurso no mundo da música, AC já colaborou com vários artistas. Da Weasel, General D, Gabriel o Pensador, Mariza, Rui Veloso e Shout são alguns deles.

Patrão vai ser disponibilizado este mês, dia 27, nas lojas digitais e adivinha um novo álbum de Boss AC.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Troféu Festival da Canção 2021
Festival da Canção 2021: Conhece a ordem de atuação na Grande Final