O mundo das séries está em constante mutação. As contínuas estreias de novas produções fazem com que algumas fiquem na gaveta sem que nunca tenhamos oportunidade de as ver. Também, com a chegada de novos produtos televisivos, algumas das séries que outrora foram um sucesso acabam por ganhar nova popularidade.

As novas gerações de seriólicos, que tanta escolha têm entre as novidades, muitas vezes não conhecem algumas das produções mais icónicas. O Espalha-Factos reuniu quatro séries, de vários géneros, que são um verdadeiro throwback e que, devido à sua intemporalidade, podiam ser um êxito se estreassem nos dias de hoje.

Chuck (2007-2012)

séries

Chuck é considerada uma série de culto por muitos dos seriólicos com mais produções na bagagem. Estreada em 2007, conta a história de um rapaz vulgar, geek a todas as horas, que se torna portador do conteúdo do Intersect, um supercomputador que contém todos os segredos do governo dos Estados Unidos… na sua mente.

Tornando-se um dos mais importantes alvos de segurança nacional, Chuck (Zachary Levi) é seguido 24 horas por dia por dois agentes, especialmente destacados para o proteger, fingindo-se seus amigos. Tudo isto enquanto se envolve em missões de espionagem e as tenta manter em segredo da sua família e amigos.

Lê também: Cinco séries europeias que podem ser a próxima ‘La Casa de Papel’

Numa mistura equilibrada entre a comédia e o suspense, Chuck criou uma larga base de fãs durante a sua exibição. Os plot-twists e os personagens bem definidos, com uma história que se prolonga pelos vários episódios ao invés de apresentar um “vilão da semana”, ajudaram a construir a popularidade de uma série que inclui elementos facilmente amados por muitos.

A série conta com cinco temporadas, responsáveis pelo vício em produtos televisivos de muitos – para vários fãs, esta foi a série que os fez ver séries. Foi exibida em Portugal pela RTP2.

De onde conheço estas caras?

Para os novos seriólicos, que podem nunca ter ouvido falar de Chuck, podem conhecer Yvonne Strahovski de The Handmaid’s Tale, onde interpreta Serena Joy. Já o protagonista, Zachary Levi, integrou recentemente o elenco de Heroes: Reborn.

Freaks & Geeks (1999-2000)

séries

Uma temporada é suficiente para Freaks and Geeks ser considerada um clássico. Estreada na virada do milénio e passada nos anos 80, esta produção tem a tão querida vibe de filme independente que parece voltar a estar na moda.

A série conta a história dos irmãos Weir, que são bem diferentes. Lindsay (Linda Cardellini) faz parte do grupo menos ortodoxo dos Freaks. Já o seu irmão, Sam (John Francis Daley), é orgulhoso membro dos Geeks. A sua missão é, no fundo, a mesma: ultrapassar o louco mundo da escola secundária.

Estes são jovens reais: falam sobre ficção científica, fumam erva e sentem-se a endoidecer com os seus pais. Tudo isto enquanto ajustam os seus óculos um pouco grandes e desejam não ter aquela espinha algures na face.

A série lida com problemas da adolescência, como a aceitação, bebida, drogas e bullying. Em 2003, passou em Portugal na SIC Radical.

De onde conheço estas caras?

Se algumas das caras te parecem familiares, sim, são mesmo elesJames FrancoJason Segel e Seth Rogen tiveram dos seus primeiros papéis televisivos nesta produção da NBC.

24 (2001-2014)

séries

192 episódios divididos ao longo de nove temporadas. É esta a duração daquela que é considerada uma das séries mais influentes da década passada. Vencedora de Emmys e Globos de Ouro, 24 é a mais longa série de espionagem da história da televisão.

A crítica considera-a pioneira no seu género. 24 segue Jack Bauer (Kiefer Sutherland), agente da Unidade Contra Terrorismo de Los Angeles. Bauer corre contra o relógio, tentando impedir ameaças terroristas, como ataques químicos, tentativas de assassinato ou conspirações governamentais.

Cada uma das temporadas cobre 24 horas de um dia na vida do agente, narrando os acontecimentos em tempo real. Não usa, por isso, efeitos como câmara lenta ou flashbacks para dar a sensação de continuidade.

Oito são as temporadas principais e há ainda uma minissérie final, 24: Live Another Day, que se passa quatro anos depois da trama principal. A série deu ainda origem a um filme para televisão e a um spin-off, intitulado 24: Legacy, com um elenco totalmente renovado. Em Portugal, passou pela RTP2 e, recentemente, pela FOX.

De onde conheço estas caras?

Keifer Sutherland é um dos mais reconhecidos atores de Hollywood, tendo participado em dezenas de filmes e séries. Outra das caras que pode ser familiar, de uma série pertencente a esta lista, é a de Yvonne Strahovski, que participa na minissérie final como agente da CIA.

Fringe (2008-2013)

séries

Fringe segue uma agente e dois cientistas – os três membros da Fringe Division (Divisão de Ciência Marginal, em tradução livre) do FBI. A equipa tenta explicar fenómenos incomuns, investigando crimes que fazem parte de um panorama diferente do habitual, ligado a universos paralelos.

A série é inspirada em clássicos como Lost (do mesmo criador), The X-Files ou até The Twilight Zone, explorando linhas temporais alternativas e outros universos.

Lê também: Oito séries que tu (possivelmente) não sabes que são inspiradas em livros

Com cinco temporadas, cada uma delas intensifica a história contínua e os efeitos decorrentes das alterações nas linhas temporais e dos acontecimentos entre os universos mostrados. Como tal, é uma série que despoletou um misto de reações críticas, com estas a favorecer o enredo nas temporadas finais.

Fringe tem uma outra particularidade, que mostra que a série vai para além daquilo que vemos. Ao longo dos episódios, é mostrado, antes do intervalo, um hieróglifo, composto por símbolos correspondentes a uma letra. Cada episódio tem uma palavra correspondente, construindo, no final, um “código”, de acordo com J. J. Abrams, o seu criador.

A série foi emitida em Portugal através do segundo canal do universo [paralelo] RTP.

De onde conheço estas caras?

Podes reconhecer John Noble, que interpreta um dos cientistas, de dois dos filmes da saga O Senhor dos Anéis ou como Henry Parrish em Sleepy Hollow. Já Anna Torv, que dá vida à agente Olivia Dunham, integrou recentemente o elenco de Mindhunter.