O clássico 2001: Odisseia no Espaço, de Stanley Kubrick faz 50 anos. As comemorações vão passar pelo Festival de Cinema de Cannes, e trarão o filme de regresso ao cinemas.

Uma versão não restaurada de 2001: Odisseia no Espaço vai (re)estrear no festival francês, a 12 de maio. Outra estreia do dia será a de Christopher Nolan, que nunca tendo levado nenhum dos seus filmes a Cannes, vai apresentar o screening.

Na plateia estarão a filha de Kubrick, Katharina, e o cunhado, Jan Harlan. A sua esposa, Christiane, agradeceu o apoio de Nolan pelo filme e disse ainda que “se o Stanley estivesse vivo hoje, sabemos que ele admiraria muito os filmes de Christopher Nolan.”

Nolan conta que uma das suas primeiras memórias do cinema, foi ver 2001 no cinema com o seu pai. “Ter a oportunidade de recriar essa experiência para uma geração mais nova e poder apresentar a nova versão não restaurada em 70mm da obra-prima de Kubrick, em toda a sua glória analógica, no Festival de Cannes, é uma honra e um privilégio,” acrescenta.

Vê também: ‘2001: An Interstellar Odyssey’: Kubrick e Nolan confrontados em vídeo

A Warner Brothers explicou que esta versão foi retirada da película original: “não há truques digitais, efeitos especiais ou revisões.” É, por isso, o mais próximo possível do original. Esta versão analógica irá ainda ser exibida nalguns cinemas, a partir de 18 de maio. No final do ano, a produtora irá lançar uma edição especial em DVD.