Chicotear mulheres ou vestir as crianças de bruxas fazem parte da tradição de alguns países nesta altura do ano.

Na maior parte dos países europeus – católicos – a Páscoa é celebrada de forma quase igual – procissões, sexta-feira sem carne, ovos da Páscoa e borrego. Em Inglaterra, na Alemanha, na Dinamarca e nos Estados Unidos também se faz a famosa Egg Rolling. Neste artigo, mostramos-te cinco das mais estranhas tradições pascais, que se fazem em todo o mundo.

Índia: um dos festivais mais famosos do mundo

páscoaNa Índia, onde se pratica o hinduísmo, em vez da Páscoa tal qual como a conhecemos, é celebrado o famoso festival Holi – onde se dão as boas-vindas à Primavera. A data serve para comemorar o nascimento do deus Krishna.

O país reúne-se para dançar, tocar flauta e outros instrumentos musicais, com banquetes de comida típica. Uma das partes mais conhecidas da festa é a presença de elefantes – que são pintados pelo povo, tal como o pó colorido que enche as ruas de cor (e que tem inspirado festivais por todo o mundo).páscoa

Finlândia: Páscoa ou Halloween? 

Na Finlândia, a Páscoa em muito se assemelha ao dia 31 de outubro. As crianças saem à rua vestidas de bruxas na véspera da Páscoa. Visitam os vizinhos e deixam cartões decorados, pedindo doces ou dinheiro, (em vez do típico  “doçura ou travessura?”). Fazer grandes fogueiras também faz parte da tradição finlandesa, para que as chamas mantenham os maus espíritos longe.

República Checa: uma tradição pouco católica

páscoaAlém dos ovos de galinha decorados, na segunda-feira de Páscoa, os homens saem para rua e chicoteiam simbolicamente as mulheres, com a pomlázka – um chicote de fios de salgueiro entrelaçados e enfeitado com fitas coloridas. Segundo o povo, essa tradição trará beleza para a mulher durante o ano inteiro.

Polónia: Páscoa molhada, mulher abençoada

páscoa

Na Polónia, também são as mulheres quem mais sofrem com as tradições de Páscoa. Chama-se Smingus-Dyngus e os homens molham as mulheres mais novas com baldes de água. Diz a lenda que as raparigas que forem molhadas se casam dentro de um ano. É uma tradição que tem origem no baptismo de um príncipe polaco na Páscoa do ano 966.

Austrália: bilbies everywhere

páscoaEm todo o mundo, um dos símbolos mais famosos da Páscoa são os coelhos (que, segundo a tradição, representam a fertilidade). Na Austrália o animal é outro. O povo australiano substituiu o coelho por um animal típico do país, o bilby (que está em vias de extinção). Nesta altura do ano, os supermercados e lojas são invadidos por bilbies de chocolate – uma forma de sensibilizar as crianças para defesa dos animais.