Após cerca de sete meses de espera, chega finalmente a terceira temporada de Shadowhunters. Com estreia oficial nos Estados Unidos a 20 de março, a história de Clary e Jace regressa ao pequeno ecrã, mas como não podia deixar de ser, terá de enfrentar novos inimigos e vários contratempos pelo caminho.

Depois do final arrebatador da segunda temporada, os fãs poderão finalmente ver a evolução desta história, seguindo a morte de Valentine (Alan Van Sprang). Mas como todas as boas histórias, esta terá uma série de contratempos, devido à ressurreição de Jace e o Surgimento do anjo Raziel.

Jace e Clary

A aparição daquela que é considerada, pelos argumentistas, a vilã mais malvada que já surgiu na série, Lilith (Anna Hopkins), não facilitará a vida ao casal. A ela junta-se um velho inimigo dos dois, o filho Jonathan (Will Tudor). A personagem de Will procurará agora vingança pela humilhação sofrida às mãos de Jace e Clary.

Mas como não podia deixar de ser, cada um deles terá o seu próprio caminho para percorrer: Clary irá fazer finalmente parte dos quadros dos Shadowhunters de forma oficial. Continuará, no entanto, a sua luta pessoal para que mais ninguém morra por sua causa. Já Jace (Dominic SherWood) terá como obstáculo a sua própria ressurreição. Esta irá trazer ao jovem Hunter uma série de consequências ao nível político e do sobrenatural, visto que agora se encontra “doente” por causa disso mesmo.

Resta agora perceber se o casal conseguirá ultrapassar todos estes novos desafios ou se irá sucumbir à pressão que é ser um Shadowhunter.

Katherine McNamara descreve a emoção de passar a ‘Shadowhunter’

Numa entrevista à TVLine, Katherine McNamara falou sobre a missão da sua personagem nesta nova temporada. Para além da história da sua personagem com Jace, não esqueceu a relação com Simon.

Focou também progressivo afastamento entre a sua personagem e o seu melhor amigo recém-vampiro, Simon. Deu inclusive alguns vislumbres de cenas entre os dois, como a da sua introdução oficial enquanto Shadowhunter. Katherine admite ter sido uma cena importante, não só pelo que promete como por tudo o que a rodeia, desde o guarda-roupa ao próprio ambiente.

A Clary de Shadowhunters mostrou também que a ausência de Simon trará certas consequências para sua personagem. Falou igualmente da sua relação com Alberto Resende (Simon), que era o seu melhor amigo no set de filmagens e acabou por sofrer algum afastamento pela menor convivência das personagens na história e, consequentemente, durante as filmagens.