Bruno Pernadas é a mais recente confirmação do Aleste. O evento realiza-se na ilha da Madeira a 26 de maio.

Para a quinta edição do festival estão também já assegurados a leiriense Surma e os norte-americanos Bitchin Bajas. Os restantes nomes devem ser anunciados nos próximos dois meses.

Compositor e Multi-instrumentalista, Bruno Pernadas editou o primeiro álbum a solo em 2014. O disco teve o selo da Pataca Records. How Can We Be Joyful in a World Full of Knowledge impressionou a critica pelo feliz cruzamento entre a música pop, contemporânea, jazz e ambiente.

Seguiram-se, dois anos depois, em 2016, dois álbuns de uma assentada. Primeiro, veio Worst Summer Ever. Posteriormente, lançou Those Who Throw Objects at the Crocodiles Will Be Asked to Retrieve Them, ou simplesmente Crocodiles, como lhe chama Bruno Pernadas.

Dois discos que voltam a misturar a pop com o jazz, mas que também comprovam o ecletismo musical do artista. Em Crocodiles, há espaço para a música folk rock, para o rock psicadélico, para a eletrónica, para o space age-pop e para o afrobeat. Worst Summer Ever foi considerado pelo Espalha-Factos um dos melhores álbuns portugueses de 2016. O disco reforça o aspeto intemporal da música de Bruno Pernardas.

Crocodiles contou com a colaboração de vários músicos. Nele podem-se encontrar João Correia, Margarida Campelo, Francisca Cortesão, Diogo DuqueJoão Capinha e Raimundo Semedo, entre outros.

O festival Aleste realiza-se no Complexo Balnear da Barreirinha. Os bilhetes early-bird para esta edição podem ser adquiridos no Barreirinha Bar Café e locais habituais. Têm um custo de 15 euros.