Foi durante a Drake Night, noite dedicada ao rapper canadiano (por ser o embaixador oficial dos Toronto Raptors), que Drake fez um anúncio. O músico está já a trabalhar no novo álbum que irá dedicar à sua cidade natal, Toronto.

Apoiante dedicado da equipa da cidade que o viu nascer, Drake é presença assídua nos jogos da NBA. Neles, cultivou já muitas amizades. No discurso, que teve lugar no jogo de basquetebol entre os Toronto Raptors e os Houston Rockets, Drake começa por pedir que a plateia torça pela equipa que diz ser “a número um” – os Raptors. Acrescentou, depois, de forma subtil, estar a trabalhar num novo disco. “Yeah, that’s right”, responde perante a excitação de alguns.

https://platform.twitter.com/widgets.js
Depois do sucesso de God’s Plan, que integra Scary Hours, o EP que lançou no inicio deste ano, o rapper dá finalmente nova esperança aos fãs. Views data já de 2016 e foi o último álbum de estudo do canadiano. O músico tem saciado o apetite dos seus seguidores com mixtapes. Os trabalhos, em formato digital, têm alcançado tanto ou mais sucesso que alguns dos seus álbuns de estúdio.

If You’re Reading This It’s Too Late (2015), What a Time to Be Alive (2015), que gravou com Future, ou More Life (2017) foram lançadas sem data marcada ou aviso prévio. Surgiram na Internet de um dia para o outro. As mixtapes, que podiam facilmente ser álbuns de estúdio, têm encurtado o período de espera e satisfeito os fãs.

Depois da revelação de Drake no OVO Festival, em agosto do ano passado, de que iria gravar um novo álbum, a promessa é real. Os trabalhos estão em curso. Aguardemos.