António Casalinho, aluno do Conservatório Internacional de Ballet e Dança de Leiria, cidade de onde também é natural, conquistou já vários prémios na sua curta carreira, sendo um promissor talento que encanta o mundo com os seus passos de dança.

O bailarino conquistou ainda duas medalhas de ouro, na South Africa International Ballet Competition (SAIBC), que se realizou entre 27 de fevereiro e 4 de março, na Cidade do Cabo, na África do Sul.

Nessa competição, participaram 87 bailarinos, oriundos de 15 países.

O Conservatório Internacional de Ballet e Dança de Leiria, academia de dança frequentada por António Casalinho, esteve representado por um grupo de bailarinos que conquistaram medalhas, nas diferentes categorias.

No contemporâneo (16-20 anos), Diana Brandão e João Gomes alcançaram o primeiro e o segundo lugar, respetivamente.

Margarita Fernandes conquistou o segundo lugar, Laura Matos Viola o terceiro e Margarida Gonçalves o quarto, em clássico.

E a bailarina romena Mariuca Iordache, que se encontra em formação no conservatório leiriense há seis meses, ficou em sétimo lugar, entre 32 participantes.

Annarella Sanchez, fundadora e mentora do Conservatório Internacional de Ballet e Dança de Leiria, afirmou em entrevista ao Região de Leiria, que «esta participação foi muito positiva por várias razões: uma delas foi poder compartilhar e trabalhar com professores da Coreia, China e Japão. Eles e os seus estudantes são um exemplo a seguir».

A professora considera, ainda, que «os prémios são o resultado do trabalho árduo e da dedicação quer dos alunos quer dos professores. Cada estudante e professor deve sempre tentar superar-se a si próprio tendo como exemplo o trabalho dos bons».

Esta foi mais uma conquista na carreira brilhante no mundo da dança de António Casalinho, que dança ballet clássico, contemporâneo, jazz, lírico, hip hop e danças de salão.

Lê também: UM MUNDO MÁGICO: CONSCIENCIALIZAR AS CRIANÇAS ATRAVÉS DO TEATRO