Faltam apenas dois episódios para concluir The Assassination of Gianni Versace, a segunda temporada de American Crime Story, e o novo coloca dois dos protagonistas em posições diferentes face à luz da ribalta. Ascent estreou no canal FX no dia 7 de março. Em Portugal, a série é exibida na FOX.

Em Itália, a empresa sofre graças ao cancro de ouvido de Gianni (Édgar Ramírez) – ou será a doença um dos sintomas da sua infeção por parte do vírus da SIDA? De qualquer forma, o designer pressiona a sua irmã Donatella (Penélope Cruz) para que esta esteja pronta para tomar o seu lugar caso aconteça alguma coisa.

Donatella, contudo, não se considera à altura do desafio. Ela prefere o papel de assistente ao invés de assumir a posição do seu irmão. No entanto, as coisas parecem virar-se quando Gianni constrói um vestido maravilhosa para a irmã, fazendo-a arrasar na passadeira vermelha do 100.º aniversário da Vogue.

Versace vê-se perante dois grandes desafios: em primeiro, a saúde de Gianni piora e ele decide retirar-se temporariamente da empresa; em segunda, as vendas do mundo da moda a nível global parecem estar a cair a pique. No entanto, Donatella, agora com uma nova garra, promete à sua equipa que esta é a altura perfeita para colocar Versace nas bocas do mundo e honrar o trabalho que o seu irmão tem feito.American Crime Story

Embora os fãs se sinta ligeiramente traídos, visto que a série foi promovida como uma história sobre Versace mas tem-se focado mais nas fantasias do seu assassino, é inegável que Cruz e Ramírez têm prestações impecáveis em qualquer cena que apareçam.

Lê também: American Crime Story 2×06: mentiras, drogas e relações fabricadas

Por falar no assassino, do outro lado do planeta, Andrew (Darren Criss) trabalha numa loja de conveniência mas sonha com uma vida maior. Até em casa, mantém uma relação tensa com a mãe lunática, visto que vivem com dificuldades financeiras e ela não lhe consegue providenciar “tudo do bom e do melhor”.

Andrew decide tentar a sua sorte como acompanhante de luxo e acaba por cair nas boas graças de um trio de homens milionários, tornando um deles no seu isco perfeito: suporte financeiro em troca de companhia ilimitada. Num piscar de olhos, Andrew é agora um homem rico, a viver a vida com que sempre sonhou.American Crime Story

Num restaurante, o jovem cruza caminhos com David (Cody Fern) e os dois acabam por passar a noite juntos. É interessante ver como a primeira interação entre ambos foi, de fato, pura e genuína. Não fosse a vida fabricada que Andrew sempre levou, talvez eles até pudessem ter construído um futuro juntos.

Em dois pontos opostos do planeta, uma figura está desesperada pela fama e faz de tudo para a obter, enquanto outra foge dela a sete pés mas vê-se obrigada a assumi-la. Uma boa lição em comum as pessoas não se definem por aquilo que lhes acontece mas sim pela forma como lidam com isso.

NOTA: 7/10