Antes de atingir o estrelato, Amy Winehouse gravou uma canção que foi revelada este domingo (25). Com 17 anos, a cantora gravou o tema My Own Way, agora divulgado pelo compositor Cil Cang.

Depois da morte da artista, em 2011, a editora Universal destruiu grande parte das músicas inacabadas de Amy. O objetivo era o de evitar a publicação de um álbum póstumo. Passados sete anos, o compositor Cil Cang optou por partilhar um dos temas que conseguiu recuperar na altura.

Lioness: Hidden Treasures, álbum que a Universal editou postumamente, caiu no fracasso. Os fãs da cantora receberam o disco com desagrado e a editora destruiu as restantes canções incompletas da artista.

No entanto, o compositor e músico Cil Cang recuperou uma. My Own Way é a canção que foi preservada na altura.

Com 17 anos e ainda sem contrato assinado com a editora Island Records, Amy Winehouse quis chamar a atenção dos produtores. Foi com a música composta por Cil Cang, em parceria com James McMillan, que a artista o fez, em 2003.

Em entrevista ao jornal Camden New Journal, Cil Cang recordou o momento. “Quando conhecemos a Amy, ela abriu a boca e deixou-nos sem fôlego”, lembrou Cang.

“Fomos atingidos imediatamente pelo seu talento – foi um verdadeiro momento de queixo caído.” – Cil Cang

O músico lembrou que já procurava a música há muito tempo. No momento em que a encontrou, decidiu partilhá-la para que o público tivesse a oportunidade de a ouvir.