Com apenas um episódio restante nesta quarta temporada de How To Get Away With Murder, o final parece promete um encontro bombástico. Resta saber se será igualmente relevante. O novo episódio, intitulado Ask Him About Stella, estreou no canal ABC no dia 8 de fevereiro. Em Portugal, a série é exibida no AXN.

Annalise (Viola Davis) tem agora duas missões em mães: levar avante o seu caso de ação social, com a ajuda dos jovens estudantes, na tentativa de ilibar o nome de Isaac (Jimmy Smits) na morte da sua filha. No entanto, esta última aventura parece não ser fácil, já que Isaac voltou a cair no seu vício de heroína.

Enquanto isso, Laurel (Karla Souza) tem finalmente direito a visitar o seu recém-nascido. Um momento breve mas poderoso, enquanto os restantes jovens ficam em casa a aproveitar os dotes culinários de Asher (Matt McGorry). A vida de estudante representada de forma fiel: na falta de estudo, come-se.

Embora o pai de Nate (Billy Brown) pareça estar cada vez mais preparado para ser a cara do caso, Annalise recebe más notícias: aparentemente, o caso foi transferido para o Supremo Tribunal da Pensilvânia, o que significa que nem ela nem nenhum advogado na cidade terão poder de decisão no desfecho.

Mais novidades sobre este caso adiante. No que diz respeito ao outro, a polícia tem novidades: pelos vistos, a filha de Isaac tinha nódoas negras no seu corpo, o que significa que o pai tentou reanimá-la e daí advém o seu atraso em ligar para o 112. No entanto, há um pormenor interessante: a droga que Stella tomou é a de preferência de Isaac.How To Get Away With Murder

Lê também: How To Get Away With Murder 4×11: o mundo gira em torno de Laurel

Annalise decide confrontar o psicólogo com o assunto e ele admite a verdade: embora a questão do suicídio seja incerta, a filha tomou as suas drogas. O pior disto tudo é que Isaac continua drogado, o que faz com que Annalise saia porta fora, indignada com tamanha irresponsabilidade e ingratidão.

No entanto, alguém tem de pegar no assunto e essa pessoa é Bonnie (Lisa Weil). Ela utiliza as suas gravações de telemóvel para chantagear Denver (Benito Martinez), o que faz com que ele acabe por desistir das acusações contra Isaac. Enquanto um dos casos parece estar resolvido, está na altura de saber as novidades do outro.

Michaela (Aja Naomi King) acredita que a melhor hipótese de salvar o caso de ação social é pedir ajuda a alguém que tenha poder e influência perante o Supremo Tribunal. Entra em cena a famosa Olivia Pope, interpretada por Kerry Washington, dando início à junção entra esta série e Scandal, ambas produzidas por Shonda Rhimes.

Há muitas questões deixadas no ar e a série está tão dispersa que nenhuma delas parece ser propriamente relevante. Temos o caso de ação social de Annalise, o passado traumático de Isaac, o drama familiar de Laurel, os pormenores relativos ao dia da morte de Wes (Alfred Enoch). No meio de tudo isto, já começo a sentir falta de algum assassínio chocante, já que foi com esse mote que a série começou, certo?

NOTA: 5/10