2017 foi um ano de altos e baixos para Portugal, mas nas audiências televisivas não houve espaço para surpresas. O futebol domina o top10, com a companhia das clássicas telenovelas e apenas uma novidade: Pesadelo na Cozinha.

O ano termina novamente com perdas para os canais abertos. Apesar disso, mantém-se o domínio da TVI, que conquistou 21,4% de share nas contas anuais, descendo cinco décimas face a 2016. A SIC volta a ficar com o segundo lugar e perde 0,5 pontos percentuais, para os 17,5% de quota de mercado. A maior queda cabe à RTP, que recua 1,3 pontos para os 12,5%.

Nos outros canais públicos, também transmitidos em sinal aberto, destaque negativo para a RTP2, que perde um quarto do seu share, passando de 2% em 2016 para apenas 1,5% em 2017. A RTP3 estreou-se no sinal aberto com 1,8% de share e a RTP Memória conquistou 1,1.

2017 foi também um ano de afirmação para a CMTV, que termina o ano em todas as plataformas de distribuição e como o quarto canal mais visto, com 2,4% de share.

10 programas mais vistos do ano

 

Dados de audiência consolidados (Live+7) da GfK/CAEM. Valores calculados até ao dia 21 de dezembro de 2017. Poderão sofrer alterações ligeiras.