‘O Físico Prodigioso’, uma das obras de maior projeção de Jorge de Sena, está de volta às livrarias portuguesas, numa edição artesanal e ilustrada promovida pela editora Guerra e Paz.

Publicado pela primeira vez em 1966, na coletânea Novas Andanças do Diabo, O Físico Prodigioso é uma novela inspirada na tradição do conto fantástico português, mais precisamente em Orto do Esposo, selecta anónima do século XV que aborda a espiritualidade medieval.

Desta forma, Jorge de Sena explora os elementos míticos e simbólicos presentes naquela obra para, ao criar uma intriga erótica ousada, transmitir uma mensagem de liberdade.

Devido à sua complexidade e riqueza literária, a novela foi reeditada e publicada individualmente em 1977.

O retorno d’O Físico Prodigioso

A nova edição do livro de Jorge de Sena, publicada na passada quarta-feira pela Guerra e Paz, apresenta características inéditas.

A capa do livro é composta por quatro painéis, «sendo esses painéis revestidos a papel couché de 135 gramas, plastificado a dourado, e a faces do miolo, de cor azul, pintadas à mão», adiantou em comunicado a editora que chancela a obra.

Assim, a capa articulada em painéis faz com que o livro de 216 páginas, depois de completamente desdobrado, apresente um metro de envergadura.

O Físico Prodigioso

Foto: divulgação

No seu interior, o livro contém 21 ilustrações concebidas pela pintora Mariana Viana que vão ao encontro do experimentalismo narrativo do escritor português radicado no Brasil.

O Físico Prodigioso

Foto: divulgação

O Físico Prodigioso, de Jorge de Sena, é uma edição limitada da Guerra e Paz, da qual fazem parte apenas 1500 exemplares impressos e numerados. Cada exemplar tem um custo de 75 euros.

Lê também: Sabes quanto deves ler por dia para viver durante mais tempo?