A comédia de improviso de César Mourão e dos seus convidados despertou o interesse do público nesta noite de domingo.

O primeiro episódio de D’Improviso foi visto por cerca de 1 milhão e 202 mil espectadores, registando 12,4% de audiência e 24,8% de share, segundo os dados da GfK/CAEM. O programa da SIC, que começou às 21h18 e terminou perto das 22h30, esteve sempre à frente da concorrência.

Na TVI, a segunda série de MasterChef Junior registou 10,2% / 21,7%, o equivalente a pouco mais de 1 milhão de espectadores. O concurso de Manuel Luís Goucha só conseguiu ter momentos de liderança após o fim de D’Improviso. A primeira temporada de MasterChef Junior conseguiu números bem diferentes na sua estreia, a 22 de maio de 2016: 14,1% de audiência e 31,4% de share.

The Voice Portugal ocupou a terceira posição enquanto D’Improviso esteve no ar, tendo depois disputado a liderança com a TVI. O talent show da RTP1 registou 9,1% / 19,7% (881 mil espectadores).

Devido à menor duração de D’Improviso face aos programas da concorrência, a SIC apostou num episódio de Espelho d’Água para as 22h46. A novela não conseguiu aproveitar o embalo, e ficou-se pelos 7,0% / 17,1%.

Outros destaques do dia
  • O Jornal das 8 foi o programa mais visto deste domingo, e registou o melhor share do ano: 28,6%, com uma audiência de 13,7 pontos (1 milhão e 331 mil espectadores).
  • Também o Somos Portugal conseguiu o seu melhor share do ano: 25,0%, com uma audiência de 8,1%. O programa itinerante conseguiu mesmo o pico de audiência do dia na televisão portuguesa: às 19h57, a TVI registava 15,1% / 32,9%.
  • A TVI voltou a ser o canal mais visto, com 21,0% de share diário. A SIC conseguiu 17,7%, e a RTP1 marcou 11,2 pontos. A liderança entre o cabo coube ao Hollywood, com 2,9%.