Passados quatro meses da 23.ª edição do Super Bock Super Rock, o Espalha-Factos decidiu compilar algumas das imagens capturadas em 35mm durante os três dias do festival. A galeria é composta por 23 fotografias a preto e branco, que resgatam a essência do analógico no ano de 2017.

Este formato desperta no espectador um sentimento de simplicidade. O ambiente que se vive no festival é capturado através do movimento e do jogo de luzes que se formam num registo monocromático. Nestas imagens o foco vai para o momento, deixando de parte o conteúdo comercial a que estamos habituados.

O objetivo foi capturar o espírito festivaleiro que ainda perdura. A lógica de espetacularização que muitas vezes se atribui aos eventos músicais é aqui invertida. O destaque vai para o minimalismo que é sentir um artista a pisar o palco.

Lê também: Super Bock Super Rock 2017 – o contemporâneo e o old school encontram-se

O Super Bock Super Rock é organizado desde 1995 e é, actualmente, um dos mais importantes festivais de verão portugueses.

Confere aqui as fotografias:

 

Fotografia: João Marcelino