Milustra D’Ouro, um projeto com um objetivo: promover a região de Trás-os-Montes e Alto Douro. A vila-realense lançou uma campanha de crowdfunding para financiar a marca que pretende promover a região. 

O Espalha-Factos conversou com Marta Varela, fundadora da marca Milustra D’Ouro, para conhecer melhor o conceito por detrás do projeto.

Fotografia: Milustra D’Ouro

Espalha-Factos: Como nasceu o projeto?

Marta Varela: O projeto tem por nome Milustra D’ouro e visa ser uma marca de produtos ilustrados com o intuito de promover a região de Trás-os-Montes e Alto Douro. A marca surgiu no início deste ano, no âmbito do concurso a uma bolsa de apoio ao empreendedorismo português, denominado StartUp Voucher, que conta com o cofinanciamento do COMPETE 2020, Portugal 2020 e pelo FEDER (Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional). A Milustra D’ouro conta ainda com o apoio da incubadora de empresas da Universidade de Trás-os-Montes.

Fotografia: Milustra D’Ouro

Neste seguimento, a ideia da Milustra D’Ouro começou a ganhar forma. Comecei a esboçar as primeiras ilustrações da marca a definir quais os produtos que teriam interesse, tentado sempre aliar a ilustração a conteúdos promocionais/regionais. Pretende-se que a marca tenha uma imagem descontraída e original e que aborde questões culturais, tradicionais e de interesse turístico. Todos estes ingredientes estão na base da Milustra D’Ouro.

EF: Quais são os principais objetivos do projeto? 

MV: Para além deste projeto me permitir trabalhar nas áreas que realmente gosto e me concretizam – design, publicidade e ilustração, permite-me acima de tudo sentir-me útil para com a minha região.

Fotografia: Milustra D’Ouro

Com a marca pretendo que Trás-os-Montes e Alto Douro ganhe uma maior visibilidade, dar destaque às várias tradições e locais emblemáticos, que sem dúvida merecem “ter uma voz”, neste caso uma marca que os divulgue por todo o nosso país e até mesmo além fronteiras. Através dos vários produtos da marca pretende-se criar um vínculo entre consumidor e a região de Trás-os-Montes e Alto Douro, seja ele um vínculo de interesse, de curiosidade, ou até mesmo de identificação (no caso do consumidor transmontano e alto duriense).

EF: Porquê a região transmontana?

MV: A escolha da região transmontana deveu-se ao facto de como residente da região me ter apercebido de que ainda existem escassos produtos relacionados com a divulgação da nossa região e que enalteçam de forma justa as suas potencialidades.

EF: Que tipo de impacto esperas que o projeto venha a ter  na região em que se foca? De que maneira achas que o merchandising é alusivo ao espírito de Vila Real?

MV: Na minha opinião penso que uma marca de merchandising cultural é sempre importante para o crescimento e divulgação de uma região. Acho importante que a região tenha “algo que a represente”.

Fotografia: Milustra D’Ouro

Pretendo que a marca ajude obviamente no crescimento pelo interesse na zona de Trás-os-Montes e Alto Douro. Não só pretendo que a criação de uma marca direccionada apenas para a região transmontana e alto duriense fomente o turismo e a curiosidade em visitar os vários pontos de interesse locais, mas também que possibilite fazer crescer o orgulho regional no residente local. Ou seja, pretendo colocar a nossa região em vários produtos que possam ser usados no dia a dia de todos, conjugando o útil e o promocional num só.

EF: Que produtos terás à disposição?

MV: Inicialmente a Milustra D’ouro comercializará canecas, magnéticos, t-shirts e pólos, cadernos, agendas intituladas de “O meu ano D’ouro” e porta-chaves. Apesar de estarmos continuamente a preparar novas surpresas e novos produtos.

Fotografia: Milustra D’Ouro

A marca terá várias coleções, podendo já referir a colecção “Região no coração” e “Região em palavras”, em que cada uma delas estará direccionada para cada região transmontana e alto duriense no singular.

EF: Como tem sido recebido o projeto em Vila Real?

MV: O projeto tem sido bem recebido pelos residentes locais. Temos recebido vários elogios e palavras de incentivo. Alguns pessoas já nos perguntam onde podem adquirir os produtos.

Fotografia: Milustra D’Ouro

Estamos de momento a realizar uma campanha de crowdfunding que nos permita perceber a aceitação da marca por parte das pessoas. Ou seja, através da campanha as pessoas poderão adquirir um dos nossos primeiros produtos e nesse seguimento estarão a ajudar a Milustra D’ouro a angariar os fundos necessários para o lançamento “oficial” da marca e para que os nossos produtos possam ser encontrados nas lojas.
É algo simples, com vantagens para o apoiante (que recebe sempre um dos nossos produtos) e para a marca que está agora a lançar-se no mercado.

Fotografia: Milustra D’Ouro