Os canais que dedicaram a sua emissão aos incêndios florestais (SIC Notícias, RTP3, TVI24 e CMTV) somaram esta segunda-feira 14,9% de share. Este valor quase duplica a média anual deste conjunto de canais, que se situa nos 8%.

A CMTV foi o canal mais visto do cabo e teve o seu melhor resultado de sempre: 5,2% de share. O anterior recorde da CMTV datava de 18 de junho (5,0%), o dia seguinte aos incêndios de Pedrogão Grande.

Seguiu-se a SIC Notícias, com 4,4% de share. A RTP3 somou 3,2% de share (1,7% provenientes da emissão no cabo), e a TVI24 registou 2,1%.

Na noite desta segunda-feira destacou-se a Edição da Noite da SIC Notícias, que ficou em terceiro lugar no horário e obteve o melhor resultado do ano: 2,5% de audiência e 5,1% de share (238 mil espectadores). À mesma hora, entre as 21h26 e as 22h49, a RTP1 ficava-se pelos 1,9% / 3,9%.

SIC Notícias e RTP3 à frente na noite dramática de domingo

Os primeiros efeitos dos incêndios nas audiências sentiram-se na noite de domingo. O Especial Informação da SIC Notícias, emitido a partir das 22h37, foi a emissão especial mais vista, com 1,7% de audiência e 8,1% de share (167 mil espectadores). A SIC Notícias teve vários momentos de liderança ao final da noite, e registou um pico de 3,3% / 13,4% (323 mil espectadores) às 00:00.

Lê também: Juntos por Todos: Portugal une-se para apoiar as vítimas dos incêndios

O Especial 3 da RTP3 começou às 23h01 e conseguiu 1,3% / 7,0% (130 mil espectadores). O canal público foi o único na TDT a dedicar a emissão aos incêndios, tendo registado 1,8% / 12,4% (36 mil espectadores) nesta plataforma.

O Alerta CM (22h01) ficou em terceiro lugar na noite de domingo, com 1,1% / 4,4%. A TVI24 ficou atrás das concorrentes, com Notícias 24 – 23h (0,9% / 2,5%) e Notícias 24 – 24h (0,5% / 3,2%).

No total do dia, a CMTV voltou a ser líder do cabo no domingo (3,2%), à frente da SIC Notícias (2,7%), da RTP3 (2,7%, dos quais 1,4% no cabo) e da TVI24 (1,6%).