“Heróis da Fruta – Lanche Escolar Saudável” arranca agora a 7.ª edição com resultados animadores: 41,9% das crianças que participaram na edição anterior aumentaram o consumo de fruta. “Comer legumes para aumentar os super poderes” será o tema deste ano.

Milhares de alunos, dos dois aos dez anos, das escolas portuguesas participam anualmente nesta competição promovida pela Associação Portuguesa Contra a Obesidade Infantil (APCOI), que pretende “mobilizar toda a população portuguesa através das escolas, para a importância de prevenir a obesidade e o excesso de peso que afeta atualmente 28,5% das crianças em Portugal”, referem em comunicado.

Um programa com resultados

Este ano, o objetivo do programa é levar as crianças a ingerir a dose diária mínima de duas porções de legumes, recomendada pela Organização Mundial de Saúde. As previsões são positivas, tendo em conta as edições anteriores do “Heróis da Fruta”.

Segundo os investigadores da APCOI, após as 12 semanas de participação na 6.ª edição do projeto, 41,9% das crianças aumentou a ingestão diária de fruta. Mas os resultados não ficam por aqui. Verificou-se também uma diminuição da obesidade entre as crianças de 12,7% para 11,3%, tendo sido o Arquipélago da Madeira aquele que apresentou melhores resultados, com uma redução de 2,9% da obesidade infantil.

Mário Silva, presidente e fundador da APCOI, não esconde o contentamento face a estes números: “será muito interessante estender estes resultados positivos aos legumes e conseguir pôr as crianças em Portugal a comer mais saladas e vegetais no prato, ao almoço e ao jantar, todos os dias”.

Prémios para os maiores “Heróis da Fruta”

A primeira etapa do “Heróis da Fruta” começa já no próximo dia 17 de outubro e termina a 19 de janeiro. Durante este período, as crianças terão de realizar algumas tarefas, que passam por receber “Estrelas” no “Quadro de Mérito” por ingerir fruta ou criar um hino para os “Heróis da Fruta”.

Um júri composto por músicos e artistas vai depois eleger as cinco melhores canções, a quem serão atribuídos prémios. Este ano, porém, o público também tem um papel importante nas escolha dos vencedores: as escolas que tiverem o hino mais votado e o hino mais partilhado vão juntar-se à lista com as outras cinco, para receber uma “super festa” com mascotes ao vivo.

Os prémios não ficam por aqui. As 100 escolas com os melhores resultados também serão reconhecidas e 50 vão receber a visita de nutricionistas, para dar sessões sobre alimentação saudável.

O projeto “Heróis da Fruta” é atualmente a  maior iniciativa gratuita de educação para a saúde do país e conta com o apoio da Associação Mutualista Montepio através do Clube Pelicas, Aquafresh, Lusíadas Saúde, Staples e Vitacress.