A magia regressa este sábado (2) à RTP1 pelas mãos do mágico português mais aclamado nacionalmente e além fronteiras, Luís de Matos.

Luís de Matos // IMPOSSÍVEL estreia pelas 21h00 e promete trazer até aos espectadores as últimas novidades que o ilusionista tem levado a palcos um pouco por todo o mundo – contando ainda com a participação de alguns dos melhores mágicos do panorama atual.

Luís de Matos

Luís de Matos

O programa contará ainda com presenças de peso que, para os entusiastas da magia, já dispensam apresentações, uma delas é David Copperfield. O reconhecido ilusionista participará com regularidade em Luís de Matos // IMPOSSÍVEL, partilhando com o público algumas das mais raras jóias da história da magia.

David Copperfield

David Copperfield

Outra presença digna de destaque é a da estrela espanhola Luis Piedrahita, que apresentará uma ilusão que o público é, posteriormente, convidado a “desmistificar”. As ilusões apresentadas por Piedrahita alicerçar-se-ão em princípios científicos, tendo as gravações decorrido no Museu da Ciência da Universidade de Coimbra.

Luís Piedrahita

Luís Piedrahita

Todos os episódios, o mágico Luís de Matos vai receber nomes sonantes da vida pública nacional e internacional. Outra das inovações prende-se com o facto de o programa ser transmitido em direto, algo pouco comum nos programas televisivos de magia. Esta particularidade terá como objetivo restabelecer a confiança dos telespectadores perante a arte de criar ilusões, que desta forma ficam com a certeza de que aquilo a que vão assistir em casa é rigorosamente igual ao que acontece, naquele preciso momento, em estúdio.

No primeiro programa, podemos contar com a presença de nada mais nada menos que o reconhecido ator Joaquim de Almeida e o mágico israelita Uri Geller. Luís de Matos recebe ainda os artistas internacionais Yu Hojin, Richard Turner, Marco Zoppi e Magus Utopia para momentos de magia inacreditáveis. Luís Piedrahita e David Copperfield partilharão ainda com o público alguns dos seus melhores truques de magia.

Joaquim de Almeida

Joaquim de Almeida

O mágico Luís de Matos

Luís de Matos, nascido em Maputo a 23 de Agosto de 1970, terá feito a sua primeira ilusão aos 11 anos, iniciando as suas aparições televisivas na década de 90, por exemplo, com a apresentação dos programas Isto é Magia, Noite Mágica, Ilusões com Luís de Matos, Luís de Matos Ao Vivo e Luís de Matos Mistérios, todos eles para a RTP1.

Luís de Matos

Em 1995, Luís de Matos conseguiu espantar e conquistar o público português ao prever, por via da sua arte e do seu ofício, os números do Totoloto – isto com uma semana de antecedência.

Contudo, não foi só em Portugal que Luís de Matos conquistou tamanho mediatismo. Para lá do território luso, fez parte de programas como Magiskt Show (Suécia) e World’s Greatest Magic (NBC Estados Unidos da América). Em 1996, participou pelo segundo ano consecutivo no programa Champions of Magic, produzido pela ABC dos Estados Unidos da América.

Em 2006, foi artista residente do programa Shalakabula, transmitido em simultâneo por quatro estações televisivas espanholas. Também em Espanha, participou semanalmente no programa Luar (TVG) e aí gravou também Por Arte de Magia, para a Antena 3.

Somam-se ainda participações nos programas televisivos Surprise, Surprise (Roménia), Le Plus Grand Cabaret Du Monde (França), The Magicians (BBC Reino Unido) e This Is Magic (MBC Coreia do Sul).

Estreando-se com o Prémio Revelação no 7.º Festival Internacional de Magia (Figueira da Foz) ainda em 1986, foi consecutivamente premiado nos dois anos seguintes no Congresso Mágico Nacional, vencendo nas categorias de Cartomagia e Manipulação.

Posteriormente, foi galardoado com o Award of Merit (“Prémio de Mérito”) pela Hollywood Academy of Magical Arts, assim como com o prémio Magician of the Year (“Mágico do Ano”). Da International Magicians Society, recebeu o Merlin Award de Best Close-Up Magician (“Melhor Mágico de Proximidade”) e de Magician Of The Decade (“Mágico da Década”).

Em Inglaterra, foi-lhe atribuído o prémio The Devant Award, pelo The Magic Circle, em Itália o Golden Grolla (“Globo de Ouro”) de Il grande rivoluzionario della magia (“O grande revolucionário da magia”) e em França, o Mandrake d’Or pela Sociedade Francesa dos Ilusionistas.

Digna de destaque é ainda a distinção de Special Fellowship, a terceira distinção atribuída ao ilusionista português por parte da Hollywood Academy of Magical Arts, onde se pode ler: “Em reconhecimento de um feito pioneiro na magia e nos media. Enquanto fundador e produtor da Essential Magic Conference, os seus esforços incansáveis ajudaram a criar algo genuinamente novo, guiando a magia para o seu futuro”.

A 9 de Junho de 2014, Luís de Matos foi condecorado como Comendador da Ordem do Infante D. Henrique, que visa distinguir serviços de relevo na expansão da cultura portuguesa, da sua História e dos seus valores.

Entre espectáculos, tours, publicações e caixas de magia, Luís de Matos promete continuar a enganar, mas também a encantar com os seus truques e ilusões, dignos de deixar plateias inteiras de queixo caído.