A primeira metade do ano já passou, e muitos devem estar já a aguardar mais títulos para ver nas salas de cinema. Thor: Ragnarok, Justice League e Star Wars: Episódio VIII – Os Últimos Jedi merecem destaque, mas há outros filmes que também são dignos de atenção. Sendo assim, estão compiladas aqui algumas sugestões alternativas. Estas são obras que o Espalha-Factos não mencionou na última vez que sugeriu filmes a ver em 2017.

It

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=xKJmEC5ieOk]

Previamente adaptado para uma mini-série de televisão em 1990, It é um dos livros mais populares de Stephen King. Isto deve-se parcialmente ao facto de Pennywise, o ser diabólico que serve de antagonista central na história, ter-se tornado num dos palhaços mais icónicos da ficção. Após vários anos em desenvolvimento, esta nova adaptação vai ser a primeira de um conjunto de dois filmes.

A narrativa de It centra-se num grupo de sete crianças que, em 1989, são atormentadas por uma entidade maléfica com a capacidade de mudar de forma. Esta a criatura é Pennywise, a causa do desaparecimento de algumas crianças na cidade natal dos protagonistas.

Data de lançamento: 7 de setembro.

Mãe!

Após o seu épico religioso Noé, Darren Aronofsky vai voltar ao género de terror psicológico. Tendo já sido selecionado a competir pelo Leone D’Oro no Festival de Cinema de Veneza, Mãe! conta com um elenco de luxo que inclui Jennifer Lawrence, Javier Bardem, Ed Harris e Michelle Pfeiffer.

O filme foca-se numa mulher que vive com o marido numa casa isolada. A sua vida tranquila é transportada para a paranóia quando o seu parceiro aceita em casa um casal de desconhecidos. Considerando o talento por detrás deste projeto, é de se esperar que seja da mesma qualidade que alguns dos filmes de terror psicológico mais recentes, como O Senhor Babadook (2014) e Foge (2017).

Data de lançamento: 21 de setembro.

Loving Vincent

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=k8xcLdOjX6w]

Esta ambiciosa biografia do pintor Vincent van Gogh procura recrear o estilo do artista num projeto que já conta com o contributo de cerca de 100 pintores. Apesar de se ter iniciado no Kickstarter e não ter angariado a quantia pretendida, o seu desenvolvimento não foi parado.

Lê também: Filme sobre Van Gogh é animado com pinturas em óleo

Loving Vincent é baseado em cerca de 800 cartas escritas por van Gogh e procura reconstruir alguns dos eventos que levaram à sua morte.

Data de lançamento: 19 de outubro.

Breathe

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=6y0t2n_8iTc]

Breathe é a estreia de Andy Serkis na realização. Este drama biográfico é protagonizado por Andrew Garfield no papel de Robin Cavendish, um homem que, aos 28 anos, ficou paralisado devido ao pólio. Cavendish acabou por sobreviver para além dos 3 meses que os seus médicos tinham previsto e tornou-se num defensor ávido dos direitos de pessoas com deficiências. Robin foi também fundamental na criação de aparelhos que viriam a ajudar outras pessoas paralisadas.

Data de lançamento: 19 de outubro na Grã Bretanha. Ainda não há qualquer data de estreia anunciada para Portugal.

The Disaster Artist

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=4qab3TMg42k]

The Room (2003) é, provavelmente, o “pior filme” mais popular de sempre. Tommy Wiseau, o seu realizador, argumentista, produtor executivo e ator principal, ganhou fama devido à sua estranha performance na longa-metragem que já tem o estatuto de ícone.

The Disaster Artist, de James Franco, promete explorar todas as decisões que levaram à criação de um projeto tão bizarro como The Room.

Data de lançamento: 8 de dezembro nos Estados Unidos. Ainda não há qualquer data de estreia anunciada para Portugal.