Dia 10 de julho não é feriado nacional, mas é o nome do documentário que vai para o ar nos dias 10 e 11 de julho na RTP1 pelas 21 horas.

Um ano depois do golo de Éder que deu a vitória a Portugal sobre França, e converteu o país em campeão da Europa, a estação pública mostra os bastidores da seleção nacional no campeonato europeu, num documentário dividido em duas partes.

“A noite mais grandiosa na história do futebol português”, tal como é descrita no trailer de 10 de julho, vai ser comemorada com imagens inéditas. Narrado pelos jogadores e pelo selecionador nacional, o documentário acompanha a equipa desde a partida de Lisboa até ao regresso que parou o país.

Durante as duas horas de 10 de julho, o espectador vai ter acesso ao quotidiano da equipa, bem como à sua relação com os fãs de todo o mundo. De uma perspetiva mais técnica serão ainda mostrados comentários táticos de cada um dos jogos que levaram Portugal ao troféu.

Para além do companheirismo entre os jogadores portugueses, um teaser antevê conversas entre o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, e o plantel nos balneários da equipa.

Entrevista a Fernando Santos

Após a exibição da segunda parte do documentário, há ainda mais uma hora dedicada à vitória de Portugal em Paris. O jornalista Carlos Daniel entrevista Fernando Santos, que ficou conhecido como “o engenheiro que cumpre datas” por ter dito que só voltaria a casa dia 11 de julho, numa altura em que ninguém acreditava na vitória portuguesa.

O selecionador nacional vai fazer um balanço do campeonato europeu, falar sobre a Taça das Confederações, e ainda relevar os planos para o Mundial do próximo ano.

Com esta programação especial, a RTP1 promete analisar à lupa “as emoções, as relações, as estratégias e os momentos decisivos” de um dos eventos que mais marcou a agenda mediática portuguesa do ano de 2016.