Festa do Avante: música, cultura e muito mais

A 41.ª edição da Festa do Avante regressa à Quinta da Atalaia, na Amora/Seixal, nos dias 1, 2 e 3 de setembro. No cartaz estão prometidos grandes nomes da música, assim como diversas atividades culturais relacionadas com o cinema, o teatro, a literatura, a gastronomia, as artes, a ciência e até o desporto.

No que toca à música, a festa é muito mais do que espetáculos com artistas consagrados distribuídos pelos dois palcos principais, o Palco 25 de Abril e o Auditório 1.º de Maio (que este ano tem uma nova localização).

Há muitas surpresas a descobrir, talentos a desvendar e novas sonoridades a conhecer: no Café Concerto e no Espaço Fado, em “Lisboa”; nos palcos de “Setúbal” e do “Alentejo”; no Palco Arraial, mais uma vez situado junto à nova entrada; no Palco Solidariedade, em pleno Espaço Internacional; e no Palco Novos Valores, que curiosamente foi dos primeiros palcos de muitos dos grandes artistas do cartaz atual, dando sempre oportunidade aos novos talentos de hoje em dia.

Esta edição de 2017 conta com a presença de artistas como Paulo de Carvalho, Rui Veloso, o projeto Língua Franca, Gisela João, António Zambujo, Clã, Regula, Mão Morta, João Gil e convidados (Ala dos Namorados, Carlão, Celina da Piedade, Tatanka).

Ao longo da edição estão também confirmados Júlio Pereira, João Afonso, Mão Verde, Margem Soul, Amparanóia, Stonebones & Bad Spaghetti, The Michael Lauren All Stars, The Black Wizards, Boikot, Cacique’ 97, Carlos Bica Trio «Azul», Dervish, Fogo Fogo, Projecto Ciro, Helder Moutinho,  João Barradas House Septeto, Luis Bettencourt e Zeca Medeiros, Pedro Jóia, Tânia Oleiro, Maurízio Presidente, Modena City Ramblers, Newen Afro Beat, Xabier Diaz & Adufeiras do Salitre e Vozes Femininas Afro-Lusas.

Orquestra Sinfonietta de Lisboa e o Coro Lisboa Cantat marcam também presença no Concerto de 100 Anos de Futuro, que comemora o centenário da Revolução de Outubro de 1917.

Aqui serão interpretadas obras de Alexander Borodine, Modest Mussorgsky/Maurice Ravel, Igor Stravinsky e Dmitri Shotakovich. Este é um concerto que se realiza na primeira noite da Festa, assinalando, como habitual, a sua temática cultural, sem de qualquer forma limitar a sua diversidade e ligação profunda a um público diverso e interessado.

Este espetáculo conta ainda com uma componente de cinema onde, entre as peças musicais, o público terá oportunidade de assistir a excertos de duas obras associadas cinema soviético, de Sergei EisensteinDziga Vertov.

Na Festa é ainda possível encontrar e descobrir as artes e a ciência, com exposições no Espaço das Artes Plásticas e no Espaço Ciência.

O teatro também não é esquecido no Espaço Avanteatro, assim como a literatura, na Festa do Livro. 

desporto também marca presença na Festa, envolvendo sempre centenas de atletas e mais de 30 modalidades, entre os quais desportos radicais, parede de escalada, slide, matraquilhos e xadrez que todos podem experimentar, como também galas gímnicas, de artes marciais, de danças de salão e de patinagem artística, entre outros.

O recinto da Festa conta ainda com a Cidade da Juventude, Roda Gigante, o renovado Espaço Criança, o Espaço Bebés,o Espaço Mulher e o Espaço da Imigração

A Entrada Permanente (EP) está à venda por 23€ e dá acesso aos três dias da Festa, a todos os espetáculos e atividades que ali se realizam, assim como ao campismo. Este valor sobe para 35€ durante a sua realização.

Mais Artigos
The Undoing
‘The Undoing’ supera estreia de ‘Game of Thrones’