Dos produtores executivos do sucesso televisivo Downton Abbey, chega à FOX Life, a 10 de julho, Jamestown. A série conta-nos a história da elevação de uma colónia inglesa e da chegada das mulheres que, num meio onde são os homens a ditar a lei, prometem mudar as coisas para sempre.

Jamestown; série

Jocelyn (Naomi Battrick), Verity (Niamh Walsh) e Alice (Sophie Rundle) são as protagonistas femininas de Jamestown.

Naquele que parece o fim do mundo, começa aos poucos e poucos a renascer o Novo Mundo. É no cenário de uma inóspita paisagem natural ainda por explorar que Jamestown começa a erguer-se à medida que se vai estabelecendo uma comunidade e uma colónia formada por pioneiros.

A “nova era” tem início com a chegada do Governador, Sir George Yeardley. É na companhia do Governador que chegam a Jamestown 90 mulheres que serviriam de “esposas” dos colonos. O objetivo era usá-las como uma espécie de moeda de troca: ao fazer com que os colonos desposassem estas mulheres, o Governador procurava encorajá-los a constituir família, assegurando dessa forma a continuidade da colónia.

As histórias de cada uma destas mulheres são bastante pessoais, embora sejam, conscientemente ou não, olhadas como meros objetos destinados a “agarrar” os homens à colónia. Enquanto algumas fogem de um passado problemático, outras procuram uma vida melhor, todas em busca de um futuro mais promissor do que aquele a que tinham acesso. Contudo, ao chegarem a Jamestown, rapidamente se aperceberam que aquela terra não era, de forma alguma, o “paraíso” que idealizavam.

Em Jamestown, são os homens que ditam as regras, as leis, o que está certo e o que está errado. Em Jamestown, as mulheres são, na maior parte, meros peões num mundo regido por colonos, muitos deles violentos, sem escrúpulos nem qualquer sentido de moral. Em Jamestown, por vezes a sobrevivência torna-se um desafio, numa sociedade regida pela injustiça, pela desigualdade e, por vezes, pelos abusos de homens misóginos que passaram demasiados anos na própria companhia.

É neste cenário hostil que estas mulheres têm de aprender a sobreviver, fazendo uso dos seus próprios meios. As “esposas” têm de aprender, ou se adaptam a esta nova realidade ou dominam os colonos que as oprimem. Nessa batalha as suas armas não são a força física nem o poder institucionalizado, mas a astúcia, o uso da inteligência, do engano, da atração e do amor, para com elas conquistarem o respeito que merecem e para “mexerem” com a sociedade em que vivem.

À medida em que a sociedade de Jamestown se vai desenvolvendo e progredindo ao longo da série, somos encorajados, enquanto espetadores, a prestar atenção a tudo o que existe de bom e de mau na humanidade, ainda que numa história passada há séculos atrás.

Com a assinatura do escritor Bill Gallagher e com um conjunto de produtores de renome (quer na produção quer na realização), a série do Sky 1 e da Carnival Films & Television conta com o desempenho excelente dos protagonistas Jason FlemyngSophie Rundle, Naomi Battrick, Niamh Walsh, Matt Stokoe, entre outros.

Podes ver o trailer aqui: