Podemos afirmar, com toda a certeza, que a assinatura de George R.R. Martin em algo é sinal de qualidade. A mente por detrás de Game of Thrones tem outras obras de sucesso, como Nightflyers, uma narrativa de ficção científica espacial que começou a sua produção em maio. Adiantamos: o Syfy já encomendou o episódio piloto.

Ao contrário daquilo a que estamos habituados com o trabalho de George R.R. Martin, Nightflyers, a novela de ficção científica escrita em 1980, é passada no futuro. O canal de televisão Syfy, em conjunto com a Universal Cable Productions, anunciou que se estão a basear na obra do criador de Game of Thrones para criar um thriller sobrenatural. O enredo da série, escrita por Jeff Buhler, é o seguinte:

“No futuro, à beira da destruição do planeta Terra, uma equipa de exploradores traça viagem na nave espacial mais avançada da galáxia, a Nightflyer, para intercetar uma misteriosa nave alienígena que pode conter a chave para a sobrevivência da Humanidade. À medida que os tripulantes chegam próximo do seu destino, descobrem que a inteligência artificial que controla a nave, e um capitão que nunca foi visto, podem estar a conduzi-los para os horrores mortais e indizíveis das profundezas do espaço.”

George R.R.Martin: escritor de Game of thrones e NightflyersLê também: Maratona de ‘Game of Thrones’ durante seis dias no Syfy

Não é a primeira vez que uma adaptação de Nightflyers vê a luz do dia: em 1987, na direção de Robert CollectorNightflyers foi lançado como um thriller de ficção científica. O conceito original, no entanto, apesar da narrativa consistente e forte de George R.R. Martin, foi um fracasso. Ainda assim, Robert Jaffe, que escreveu a adaptação de 1987 ao grande ecrã, junta-se à equipa da nova série da Syfy, enquanto produtor. Ainda nesta equipa, podemos contar com Gene Klein, David Bartis, Doug Liman, Alison Rosenweig, Michael Gaeta, Lloyd Ivan Miller e Alice P. Neuhauser.

De momento, não podemos adiantar muito mais, mas podemos deliciar-nos a imaginar uma espécie de Game of Thrones espacial e todos os horrores que só George R.R. Martin consegue idealizar. Para quando um astronauta Jon Snow?