nashville

Nashville 5×14: a indústria da música é um jogo perigoso

A razão pela qual os fãs de Nashville se apaixonaram pela série consiste nos momentos simples e comoventes que esta conseguiu transmitir através de música intimista. Esta semana, tivemos mais do que uma surpresa desse género. O novo episódio, A Change Would Do You Good, estreou no canal CMT no dia 22 de junho.

É a estreia de Hallie Jordan (Rhiannon Giddens) no café Bluebird e a noite não podia ter corrido melhor! Graças à sua voz fenomenal, Deacon (Charles Esten) decide que quer assinar a artista para a Highway 65. Ela fica contente, a marca fica contente, nós ficamos contentes, toda a gente fica contente.

Esta não é a única novidade para a editora. Rachel Bilson entra em cena no papel de Alyssa Greene, uma jovem estratégica que planeia repor a fama e o lucro da Highway 65 através da criação de parcerias – basicamente, os artistas iriam começar a escrever músicas para outros cantores. Embora hesitantes ao início, o grupo acaba por concordar.

Nessa noite, toda a família se reúne em casa de Deacon para um jantar informal, que serve de apresentação a Hallie enquanto artista. A última vez que vimos o elenco assim todo junto foi no funeral de Rayna (Connie Britton) e devo confessar que já tinha saudades.

Enquanto isso, a publicação do incidente de Maddie (Lennon Stella) com a polícia continua a rebentar na Internet e a produtora tenta com que ela realize um pedido de desculpas formais. Inicialmente ela recusa, pois não quer mentir e acredita que, no fundo, teve boas intenções ao tentar proteger Clay (Joseph David-Jones).

Como se isso não bastasse, Daphne (Maisie Stella) não ajuda à festa. Para além de andar com um comportamento descontrolado com Liv (Odessa Adlon), esta convence-a a publicar um “meme” de Maddie, que rapidamente se torna viral na Internet. Contudo, Maddie desconhece por completo a autoria da publicação… por enquanto.

Pelo caminho, Maddie pede conselhos a Juliette (Hayden Panettiere) e acaba por ouvir à gravação da sua nova música: Water Rising. A qual, na verdade, era a música destinada para Maddie… embora ela não saiba. A faixa é maravilhosa mas claramente as coisas não andam a correr bem para a jovem ultimamente.

Avery (Jonathan Jackson) pede a Hallie que seja ele o produtor do seu primeiro álbum, mas isso implica que ela deixa a sua banda do costume para trás. A rapariga sente-se claramente dividida: ter sucesso na indústria ou continuar no “seguro” com os seus amigos? Para acompanhar nos próximos capítulos.

Tendo levado sempre um estilo de vida simples e discreto, Clay não suporta toda a atenção mediática e decide quebrar de uma vez por todas os laços com Maddie. Em troca, esta decide prestar-lhe uma serenata online, que serve tanto como pedido desculpas pelo sucedido como uma tentativa de reatar a situação.

Maddie e Daphne fecham então o episódio com uma versão maravilhosa de Love Until It Hurts, relembrando-nos que a música country nunca esteve tão viva e que a essência desta série sempre foi o talento dos protagonistas enquanto atores e cantores.

NOTA: 9/10

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Serralves em Festa
Direção Regional de Cultura do Norte cria projeto de museus em rede para atrair jovens