Num dia marcado pelo fim da visita do Papa a Portugal, pela conquista do campeonato pelo Benfica e pela vitória de Salvador Sobral na Eurovisão, o trunfo da SIC para o horário nobre era o último episódio de Rainha das Flores.

O derradeiro capítulo concorreu contra a fase das votações do Festival Eurovisão da Canção e foi esmagado. Com 7,3% de audiência e 16,6% de share, Rainha das Flores despediu-se com os piores valores do ano, ficando-se pelo 10.º lugar do top. A novela foi vista por 708 mil espectadores.

No confronto direto, entre as 22h59 e as 23h33, a RTP1 liderava com uma margem esmagadora: 19,8% de audiência e 45,0% de share, o correspondente a cerca de 1,915 milhões a ver a vitória de Salvador Sobral cada vez mais próxima.

Sensivelmente à mesma hora, o segundo capítulo de Jacinta também foi fortemente penalizado em relação à véspera. A minissérie da TVI registou 7,0% / 16,0%, sendo vista por cerca de 675 mil espectadores.

Também a restante ficção das privadas foi a mínimos. Ouro Verde (10,0% / 21,6%), Espelho d’Água (9,0% / 19,3%) e a primeira parte de Amor Maior (8,3% / 17,7%) registaram os seus piores valores de rating e de share do ano. Apenas Ouro Verde conseguiu retirar a liderança à RTP1 durante alguns minutos, no intervalo do Eurofestival.

Vê também: RTP1 com máximo anual em dia de Eurovisão

‘Tetra’ do Benfica dá recorde à RTP3

A transmissão dos festejos dos adeptos benfiquistas fez crescer os canais informativos, e a RTP3 conseguiu tirar partido da sua presença na TDT e foi quem mais subiu.

O canal informativo da RTP registou 2,8% de share, a sua melhor marca de sempre. Ainda assim ficou atrás da CMTV, que registou 3,1% de quota de mercado. A TVI24 esteve próxima, com 2,7%, e a SIC Notícias ficou-se pelos 1,8%.

As emissões especiais sobre o título começaram por volta das 20h e foram até ao final da noite. A cobertura da RTP3 foi a mais vista (1,2% / 3,2%), deixando para trás a CMTV (0,9% / 2,6%), a TVI24 (0,8% / 2,3%) e a SIC Notícias (0,6% / 1,7%).

Em destaque na RTP3 esteve também o 24 Horas, transmitido excecionalmente às 01h58, que registou o melhor share do ano: 7,3%, com uma audiência de 0,9%.

Outros destaques do dia
  • Também as cerimónias de Fátima contribuíram para a vitória da RTP1 neste sábado. De manhã, a transmissão da estação pública registou 6,8% / 24,0%, em empate técnico com a TVI (6,8% / 23,8%) e a grande distância da SIC (2,9% / 11,0%). À tarde, entre as 13h45 e as 16h01, a transmissão da RTP1 Francisco em Fátima liderou com 7,3% / 22,3%, contra os 5,8% / 18,0% da TVI e os 5,2% / 15,9% da SIC.
  • A transmissão da meia-final da Taça de Portugal de futsal, entre o Sporting e o Benfica, foi dividida entre a TVI24 e a TVI. A primeira parte do jogo, emitida na TVI24 às 15h31, registou 1,6% / 5,2%. A TVI começou a transmitir a partida às 16h06, conseguindo 4,3% de rating e 15,3% de share.
  • A estreia da oitava temporada de Pais Desesperados na RTP2, emitida às 20h36, registou 0,5% de audiência e 1,1% de share, sendo vista por cerca de 46 mil pessoas.