Beyoncé

Beyoncé e Drake dominaram indústria musical em 2016

Foi publicado esta semana o Global Music Report de 2017, relatório realizado pela Federação Internacional de Indústrias Fonográficas (IFPI) que analisa as receitas anuais da indústria musical. Foram destacados os best-seller musicais de 2016, com os nomes de Beyoncé e Drake a surgirem em primeiro plano no relatório.

Nesta análise do IFPI, a principal novidade prende-se com o facto de, em cerca de vinte anos de estudos, nunca se ter registado uma subida tão notável nas receitas da indústria da música. Houve uma evolução de seis pontos percentuais no total de lucros, que atingiram valores na ordem dos 14,5 mil milhões de euros. A maior subida está relacionada com as plataformas digitais, nomeadamente o streaming, a contribuir com metade deste valor.

Francis Moore, que desempenha o cargo de chefe-executiva na IFPI, justifica esta alteração: “Como todas as indústrias, tivemos anos de investimento e inovação para tornar este acontecimento real e estamos agora a presenciar a mudança”.

Drake lidera pela quarta vez

Drake lidera o top dos artistas que mais venderam no ano passado, repetindo este feito pela quarta vez. O rapper canadiano obteve bastante sucesso com o seu longa-duração mais recente, Views (2016), alimentado pelo hit comercial One Dance, tendo ambos batido diversos recordes nas plataformas digitais.

Foto: Divulgação

O falecido David Bowie e os Coldplay alcançaram a segunda e a terceira posição desta tabela, respetivamente.

Por outro lado, Beyoncé protege o seu trono e reafirma-se no topo da tabela de álbuns mais vendidos de 2016, graças ao trabalho Lemonade. Os resultados deste álbum da Queen B superaram 25 de AdeleViews de Drake.

Foto: Divulgação

Na ordem do dia e a causar polémica continuam os royalties do YouTubeMichael Nash, da Universal Music Group, afirma à Billboard que “a disparidade entre a proporção de música consumida em serviços que se baseiam nos conteúdos publicados por utilizadores e a receita que reverte para os agentes que criam e investem na produção musical está a aumentar.”  Apesar de o panorama geral ser bastante positivo, o executivo considera que este é um problema que não pode ser ignorado, uma vez que ameaça a sobrevivência da indústria musical.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.