Considerado como o principal evento de antiguidades e arte contemporânea português, regressa hoje à cordoaria nacional a Feira de Arte e Antiguidades. A 15.ª edição vai decorrer entre os dias 22 e 30 de abril contando com a presença de grandes nomes da área das antiguidades e da arte.

Na edição deste ano, os visitantes podem contar com a presença de três novas galerias de arte internacionais, palestras e outras actividades culturais. Segundo a Associação Portuguesa dos Antiquários (APA), organizadora do evento, este alargamento dá-se com o objectivo principal de dar aos visitantes uma experiência ainda melhor que a da edição anterior, que contou com a presença de mais de 14 mil pessoas.

Arte Nacional e internacional

Contando com o  Alto Patrocínio do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, e com o apoio do Museu Nacional de Arte Antiga, estarão reunidas variadas galerias de arte portuguesa, entre as quais a Galeria de Arte Moderna e Contemporânea, a Galeria São Mamede, a Microarte Galeria, a Porcelana da China, a São Roque Antiguidades, a Galeria de Arte, entre outras.

Em 2015, a APA, que integra meia centena de associados, celebrou 20 anos do certame e 25 anos da existência da associação.

No entanto, esta feira portuguesa abre também portas a participações internacionais. Em representação espanhola vamos encontrar nomes tais como, Beatriz Bálgoma, Guilhem Montagut, Joyas Antigas Sardinero e Caretto & Cartategui Fine Art. Já por parte da capital francesa contamos com a participação da Galeria Philippe Mendes, reconhecida em Portugal pela doação de um quadro da pintora Josefa de Óbidos ao Museu do Louvre.

No próximo sábado, dia 22 de abril, vai decorrer, com início pelas 19:30h, uma palestra sobre o autor da obra que ilustra a edição deste ano da feira  ‘As Tentações de Santo Antão‘, o pintor holandês Hieronymus Bosch, apresentada pelo historiador de arte e conservador do Museu Nacional de Arte Antiga, Joaquim Caetano.

Feira de Arte e Antiguidades e não só

Além disso, no decorrer da feira vão ser ainda possíveis de experienciar variados momentos gastronómicos, através de provas diárias dos vinhos Horta Osório Wines, originários da região demarcada do Douro. Juntando-se ainda a este ambiente gastronómico os visitantes vão ter ainda a oportunidade de visitar o restaurante de autor, papel dado ao Chefe Francisco Amado nesta XV edição, prometendo uma junção perfeita entre o mundo da arte e da gastronomia.

O horário será de segunda a quinta (das 17:00 às 22:00h), sextas e sábados (das 16:00 às 23:00h) e domingos e feriados (das 12:00 às 20:00h). Um bilhete simples custa 12€ e um bilhete duplo ficará por20€.