Sugerimos cinco programas culturais para aproveitares da melhor forma as sugestões que Lisboa tem para ti no Dia Internacional dos Monumentos, que se comemora a 18 de abril.

De Armazém Portuário a Museu do Oriente

Este é o mote do Museu do Oriente, que através de uma visita guiada, às 11h, procurará mostrar como é que os antigos armazéns frigoríficos da Comissão Reguladora do Comércio do Bacalhau do Porto de Lisboa, foram transformados num museu. À arquitectura, que data do ano 1939 – assinada pelo arquitecto João Simões -, juntam-se os baixos-relevos do escultor Barata Feyo“Um espaço. Vários projectos.” é o convite feito pelo Museu do Oriente. A entrada é livre, mas carece de inscrição prévia.

Lisboa debaixo dos nossos pés

O torreão poente do Terreiro do Paço inaugura, pelas 18h30, uma exposição dedicada aos pavimentos da cidade de Lisboa. Aqui poderá conhecer as composições, cores, formas, materiais e técnicas que revestem o chão que pisamos, desde a Pré-História ao século XX. É sob o comissariado do Historiador da Arte Paulo Almeida Fernandes que podermos observar como é que a cidade de Lisboa evoluiu graças à sua pavimentação.

Palácio da Pena abre à noite com entrada livre

A Pena estará aberta para 3000 visitantes que queiram visitar o Palácio e desfrutar da atmosfera da serra e deste monumento após o anoitecer. As entradas serão feitas por ordem de chegada e a última entrada será feita às 23h00. A organização disponibiliza um autocarro gratuito para fazer o percurso entre a Estação de Sintra e o Parque da Pena. Por fim e por ser uma actividade a realizar-se à noite, a circulação dentro do Parque será limitada ao percurso de acesso ao Palácio, como medida de segurança.

Lê também: 5 pastelarias lisboetas de comer e chorar por mais

Património Cultural e Turismo Sustentável no MAAT

A pensar no mote dado pela DGCP, o MAAT, em Lisboa, promove três visitas guiadas para comemorar o Dia Internacional dos Monumentos e Sítios. A primeira ocorre às 12h30 e é uma visita temática dedicada à arquitectura, com Renato Santos. A segunda visita ocorre nas zonas vedadas da central elétrica onde funciona o museu e está programada para as 15h. A última das três visitas ocorre às 16h e será na exposição Utopia/Distopia, no novo edifício do Museu de Arte, Arquitectura e Tecnologia.

Novas Perspectivas dos Monumentos de Lisboa

O Amoreiras 360º Panoramic View nas emblemáticas Torres das Amoreiras, convida os espectadores a visitarem de forma diferente alguns dos monumentos de Lisboa. Para além da vista única, a 174 metros de altura, o miradouro possuí lunetas e mapas que darão enfoque aos principais pontos históricos da cidade. Poderás ver com uma nova perspectiva monumentos como o Palácio Real da Ajuda, a Sé de Lisboa, os Jardins do Príncipe Real ou a Basílica da Estrela.

O dia procura assim um conjunto de actividades que visem a procura pelo conhecimento, salvaguarda, proteção e valorização do património histórico, artístico e natural de cada região. Este ano, participam nas 910 actividades promovidas pela Direção Geral do Património Cultural, 670 entidades, em mais de 170 concelhos do Continente e Ilhas.