A sexta temporada de Veep vai ter estreia mundial na madrugada de domingo de Páscoa. Em Portugal, a transmissão será exclusiva na TV Séries

Conhecida por satirizar o funcionamento da política americana, a série vê-se agora fora do Capitólio. Iremos acompanhar o percurso de Selina e da sua equipa, a tentarem adaptar-se à vida longe de Washington enquanto lutam para se manter relevantes.

No trailer podemos ver uma entrevista à antiga presidente e a sua participação em inúmeros eventos televisivos, mostrando-se determinada que ninguém se esqueça de si e do seu legado.

Realidade na ficção

A série da HBO estreou em 2012, no último ano do primeiro mandato de Barack Obama. Apesar de não imitar a realidade, sempre fez muitas referências e estabeleceu paralelos com a política, nomeadamente levando ao ridículo as demandas pelo poder.

Agora, esta sexta temporada estreia no seguimento da eleição de Donald Trump para presidente dos EUA, o que lhe confere uma importância especial. Estando fora das linhas principais do poder, os fãs especulam sobre como poderá ser abordada a recente alteração no panorama político americano.

Isto inspirou inclusivamente um fã a montar a sequência dos créditos de Veep com as declarações do secretário de imprensa de Trump, Sean Spicer. Este referenciou as ações de Hitler durante a Segunda Guerra Mundial numa comparação com o presidente sírio Bashar Al-Assad.

Depois da estreia, às 3h30, podes ver a série todas as quintas no seu horário habitual, às 23h30, na TV Séries. Veep tem sido regularmente aclamada pelos críticos e vencedora de inúmeros prémios. Destaca-se a protagonista, que desde 2012 venceu sempre o Emmy de melhor atriz principal numa comédia.