A nova novela da SIC chama-se Espelho d’Água e promete ser um sucesso de audiências na televisão portuguesa. As gravações estão a decorrer entre o distrito de Aveiro e o arquipélago do Açores. Estreia muito brevemente, em maio de 2017.

Espelho d’Água é a nova aposta da SIC e conta com Vítor Silva Costa e Mariana Pacheco como protagonistas. Profundamente marcada pelas imagens do mar e da pesca do bacalhau, esta nova novela está a ser rodada em Aveiro, Ílhavo, Açores e Noruega.

Vítor Silva Costa e Mariana Pacheco - Espelho d'Água

Vítor Silva Costa e Mariana Pacheco

Gabriela Sobral, diretora de programas da SIC, está convencida do futuro sucesso de audiências de Espelho d’Água. Promete-nos um «elenco muito equilibrado», uma história «surpreendente» e facilmente identificável com o público português.

«Eu tenho quase a certeza que esta novela vai ser um sucesso. Tenho lido a história e estou cada vez mais apaixonada por esta» – confessou ao site A Televisão.

Quem também foi alvo de elogios, foi o par romântico que protagoniza a novela. A diretora de programas não esconde o entusiasmo: «O Vítor Silva Costa e Mariana Pacheco vão ser o casal sensação do ano, não tenho dúvidas! Eles ficam muito bem juntos porque têm uma química muito grande. Já vi cenas e estão perfeitas».

Espelho d'Água - Gabriela Sobral

Gabriela Sobral

Um cheirinho, mas não um reflexo: Espelho d’Água

Centrada na luta de uma mulher a quem tudo foi roubado, que tenta descobrir a família desaparecida e ficar com o único homem que pode amar, Espelho d’Água é a história de Rita Faria que encara o futuro com muita força, humor e vontade de lutar até ao fim.

Espelho d’Água vai estrear em maio deste ano e vai ser emitida entre as 22h30 às 23h, na SIC.

A direção do projeto é de Hugo Xavier, e a realização é também do mesmo e de Duarte Teixeira, Diego Schliemann, Catarina Gama Pereira. O argumento conta com a colaboração entre Pedro Lopes, Gonçalo Pereira, Ana Casaca, Catarina Bizarro, João Félix, Pedro Cavaleiro, Mafalda Ferreira, Marta Pais Lopes, Andreia Vicente Martins e Manuel Mora Marques.