google chrome
Google Chrome (Fotografia: Chrome)

Google anuncia melhorias para o Google Chrome

Foi em 2016 que a Microsoft decidiu alertar a Google para o consumo excessivo de recursos do Google Chrome, o navegador mais utilizado pelos utilizadores no seu dia-a-dia. Desde então que a gigante tecnológica se tem mostrado recetiva ao feedback recebido e lançou hoje ao público uma nova versão do seu browser, mais light que as versões anteriores.

Embora esta preocupação por parte da Google em tornar o seu browser menos pesado, consumindo menos memória e bateria dos computadores portáteis dos seus utilizadores, tenha começado desde a versão número 53 do Google Chrome, a gigante tecnológica disponibilizou hoje a versão 57 do Chrome e anunciou, no seu blog oficial, que o consumo excessivo de recursos foi drasticamente reduzido.

Google Chrome mais amigo das baterias

Na sua publicação, Alexander Timin, engenheiro de software, afirmou que de maneira a aumentar a autonomia dos computadores em que o Chrome estivesse a ser utilizado, foi necessário efetuar algumas mudanças na engrenagem do navegador, o que – há primeira vista – poderá passar despercebido ao utilizador. Assim, na nova versão os separadores que se encontrem em segundo-plano (ou seja, a não ser utilizados) serão suprimidos de modo a não causar sobrecarga no processador do equipamento.
A nova funcionalidade não será aplicada a separadores que contenham conteúdo áudio e/ou vídeo ou informação recebida em tempo real.
Embora a Google não tenha revelado, em valores percentuais, quão mais amigável será o seu browser para as baterias dos equipamentos, a empresa assegura que com esta mudança irá reduzir em pelo menos 25% o habitual crash ou bloqueio de separadores em background.

Se o teu computador primário é um portátil Windows ou um Mac e, neste caso, preferes o Google Chrome ao Safari (que a nível de estabilidade, por ser desenvolvido exclusivamente para o hardware da Apple, ainda é superior ao Chrome) talvez tenhas aqui o pretexto suficiente para poder voltar a experimentar o navegador da Google.

A ideia é, segundo a própria, continuar a caminhar na direção certa de modo a melhorar a autonomia das baterias dos seus utilizadores.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Taís Araújo
‘Viver a Vida’ está de regresso à SIC