O bailarino, professor e coreógrafo luso-brasileiro Gustavo Oliveira foi, este mês de fevereiro, premiado com o Prémio de Melhor Intérprete Contemporâneo, em Roma.

Gustavo Oliveira, ex-bailarino da Companhia Portuguesa de Bailado Contemporâneo, fundada por Vasco Wellenkamp e Graça Barroso em 1998, foi distinguido pelo seu desempenho e carreira na dança contemporânea por um júri composto por Daniele Cipriani, Raul Valdez, Alessandro Rende, Steve Lachance e Marta Diminich.

Pela mão da organização da Accademia Nazionale si Danza di Roma, o prémio foi entregue na segunda edição da gala EuropainDanza, no romano Teatro Ruskaja, concebida por Alessandro Rende e Steve Lachance. O evento permite que o grande público e muitos jovens bailarinos entrem em contacto com a realidade europeia e italiana no que diz respeito à arte em destaque.

O prémio foi um de vinte que foram entregues a artistas, professores, jovens talentos e personalidades notáveis na dança. Podes agora ver um vídeo de uma performance em Itália publicada pelo bailarino português nascido em Recife.