Conchita Wurst prepara-se para fazer a barba e arrumar os saltos altos no armário. O cantor austríaco Tom Neuwirth decidiu reformar a sua famosa personagem, com a qual venceu o Festival Eurovisão da Canção em 2014.

Em conversa com o jornal alemão Welt am Sonntag, Neuwirth afirmou ter realizado aquilo que pretendia com a figura de Conchita. “Sinto que quero criar uma nova persona. Talvez nem seja eu próprio”, disse. “Mas, com a mulher barbuda, concretizei tudo o que queria desde a vitória na Eurovisão.

Já não preciso dela”, continuou. “Tenho de matá-la.

Em entrevista ao Die Welt, a voz de You Are Unstoppable acrescentou: “Questiono-me a mim próprio mais do que nunca ultimamente. Estou à procura daquilo que sei fazer bem.” “Estou à procura de mim mesmo. E o Tom é um rebelde.

Rebeldia é o que tem mostrado nos últimos tempos. O cantor tem trocado os sapatos de salto alto por calçado raso e os vistosos vestidos, a que Conchita habituou os fãs, têm dado lugar a fatos de corte mais masculino.

Nas semanas recentes, Conchita tem lançado um conjunto de vídeos, onde dá voz a versões próprias de êxitos contemporâneos e clássicos pop. Numa cover de Human, de Rag’n’Bone Man, a diva canta com um registo mais grave do que aquele que expôs no palco eurovisivo ou no seu disco homónimo.

É incerto se Neuwirth irá optar por uma nova persona feminina ou se escolherá atuar sem alter-egos. Mas certo é que ainda se espera um novo álbum com a assinatura de Conchita. Conchita falou sobre o disco ainda no ano passado e referiu já ter algumas ideias para várias canções.

Não sei que direção irá seguir”, disse em março. “Mas acho que será música orgânica. Percebi que cantar com uma banda ao vivo, e com uma orquestra, é aquilo que funciona para mim”, terminou.