As Pousadas de Portugal lançaram, por ocasião do seu 75.º aniversário, uma campanha de descontos. Durante 75 horas estão disponíveis noites por 75€.  A campanha está em vigor até às 3h de dia 8 de fevereiro.

A campanha comemorativa está em vigor desde o passado dia 5 de fevereiro. A promoção abrange estadias realizadas até 31 de março (inclusive).  O grupo informa, ainda, em comunicado que a reserva aos sábados “obriga a um mínimo de duas noites”.

Em cada noite nas Pousadas de Portugal está incluído o pequeno almoço, o acesso ao spa e oferta do alojamento para os menores de 12 anos ( se estes partilharem o quarto com os pais).

No total são 17 as pousadas abrangidas pela campanha: Convento de Évora, Sagres, Mosteiro do Crato, Convento de Beja, Mosteiro de Amares, Castelo de Palmela, Viana do Castelo, Convento de Vila Viçosa, Forte da Horta, Castelo de Alcácer do Sal, Convento de Arraiolos, Marvão, Palácio de Queluz, Viseu, Ria de Aveiro, Caniçada (Gerês) e Convento de Vila Pouca da Beira.

Ficaram excluídas as unidades hoteleiras do Castelo de Estremoz, da Serra da Estrela, do Convento de Tavira, da Praça do Comércio, em Lisboa, do Mosteiro de Guimarães, do Castelo de Óbidos e do Palácio de Estoi.

Sobre as Pousadas de Portugal

Criadas 1 de Maio de 1941, por iniciativa de António Ferro, as Pousadas destinavam-se a “alojar os visitantes e fornecer-lhes a alimentação no respeito do estilo de cada região”. A primeira unidade da rede foi inaugurada em 1942, em Elvas, no Alentejo.

Na década de 1950 o conceito de Pousada foi alargado com o surgimento das Pousadas Históricas, instaladas em edifícios e monumentos históricos. A primeira pousada a ser criada segundo este novo conceito foi a Pousada do Castelo em Óbidos.

A empresa estatal ENATUR (Empresa Nacional de Turismo) detinha o património das Pousadas e procedia à sua gestão. Até que em 2003, o Governo tomou a decisão de privatizar as Pousadas de Portugal.

O Grupo Pestana Pousadas foi o vencedor e é, hoje, o responsável pela gestão da rede atual de Pousadas de Portugal, 34 no total.