A empresa Mozilla anunciou na última quinta-feira, dia 2, o fim do grupo que mantinha o Firefox OS ativo. A companhia afirmou que o seu foco é outro e que irá parar de trabalhar em produtos comerciais de grande escala.

O Firefox OS é um sistema operacional destinado a smartphones que viu o seu fim na passada quinta-feira. A Mozilla dispensou Ari Jaaksi, o responsável pela divisão de dispositivos conectados e despediu um total de cerca de 50 funcionários.

Esta decisão da companhia não será uma surpresa para a maioria das pessoas. O Firefox OS falhou por duas vezes, tendo a empresa tentado reinventá-lo em 2015. No entanto, nunca conseguiu qualquer tração pois o seu uso falhou também em Smart TVs e equipamentos de internet.

Lembra: Como tornar o ‘browser’ mais seguro

O novo plano da Mozilla

Atualmente, esta empresa é gerida por um grupo sem fins lucrativos, cujo objetivo é o aproveitamento do potencial das tecnologias de dispositivos IoT.

Mudámos a nossa abordagem interna para a oportunidade da Internet das Coisas. Estamos a dar um passo para trás e a tirar o foco do lançamento de produtos comerciais escaláveis, para nos focarmos em pesquisa e desenvolvimento de dispositivos conectados, explorando novas tecnologias”, afirmou a Mozilla num comunicado.

Apesar da onda de demissões, a empresa encontra-se a contratar novos funcionários. Concluiu no seu comunicado que “as pessoas são a razão para fazer qualquer coisa — e isso não está perdido para nós — não tomamos qualquer decisão levianamente”.

IoT: Internet of Things

Internet das Coisas, em português, é um termo que descreve um cenário no qual vários objetos do teu dia-a-dia se encontram conectados à internet e comunicam entre si.

O objetivo desta conectividade é tornar estes objetos mais eficientes ou com atributos complementares. A ideia não é poderes aceder ao Facebook a partir do frigorífico. Mas antes que o frigorífico nos avise quando um alimento estiver perto de ficar estragado, pesquisar quais os supermercados que oferecem melhores preços ou até mesmo sugerir receitas.