Filha da Lei, a nova série criminal da RTP1, estreou no dia 24 de janeiro e é a mais recente série estreante do primeiro canal. A produção da Stopline Films teve o pior resultado de estreia no conjunto de novas apostas da estação pública na ficção.

A narrativa policial teve uma audiência média de 264 mil espectadores e um share de 5,9%. A estreia arrancou às 22h05 com audiência de 4,3%, cerca de 400 mil espectadores, e share de 8,5% mas não deu luta à concorrência. No decorrer da transmissão, a audiência mudou de canal. No pior momento, às 22h39, a estreia registou 2,2% de audiência: equivalente a pouco mais de 214 mil espectadores.

Lembramos que a série Ministério do Tempo e a novela O Sábio estrearam a 2 de janeiro. Ministério do Tempo, com emissão às 21h00, conseguiu mais de meio milhão de telespectadores na noite de estreia. A telenovela da hora de almoço estreou depois das 14h e foi acompanhada por mais de 300 mil portugueses.

Recorda: ‘Ministério do Tempo’ arranca com estreia tímida

A série de comédia Sim, Chef! arrancou no dia 4 de janeiro e conseguiu abrir o apetite a mais de 579 mil espectadores. Dos novos investimentos na ficção, a série protagonizada por Diogo Martins e Benedita Pereira obteve o melhor resultado no dia de estreia.

Audiências 24 janeiro 2017

Armas da RTP não são ameaça

No mesmo horário em que a estação pública colocou no ar Filha da Lei, os canais privados transmitiam as novelas de horário nobre. A TVI manteve-se na liderança com Ouro Verde, que continua a cativar os portugueses.

A produção da Plural Entertainment foi o programa mais visto do dia: acompanhado por mais de 1 422 espectadores e teve um share médio de 29,4%.

Lê também: Ouro Verde’ ultrapassa a marca de 1,5 milhões de espectadores

Também a estação de Carnaxide ultrapassou a estreia da RTP1. Amor Maior, que iniciou às 21h43, foi vista por 1 225 mil portugueses e conseguiu um share de 25,5%.

Outros destaques do dia
  • O segundo episódio da nona série de Cuidado com a Língua! foi o décimo programa mais visto do dia. O magazine apresentado por Diogo Infante foi visto por mais de 623 mil espectadores.
  •  The Big Picture teve o melhor resultado do mês. O concurso teve um share de 10,9% e uma audiência média superior a meio milhão de telespectadores.
  • A SIC Notícias transmitiu uma emissão especial sobre os nomeados dos Oscars. O especial teve uma audiência média de 0,3% e um share de 1,1%.
Valores de audiências Total Dia (Live+VOSDAL), da responsabilidade da GfK/CAEM.