É a grande aposta da SIC Radical para os próximos dois anos, algo que a estação descreve como “o início de uma nova etapa no canal“. A Radical garantiu os direitos de transmissão do Brasileirão, o campeonato nacional de futebol do Brasil.

O acordo com a Globo, a detentora dos direitos das competições, prevê a transmissão em direto de mais de 300 jogos em 2017 e 2018. Além do Brasileirão, o campeonato nacional que terá início em maio, a SIC Radical irá também cobrir os campeonatos estaduais do Rio de Janeiro (o Carioca) e de São Paulo (o Paulista).

A Radical promete exibir dois a quatro jogos por semana nesta primeira etapa da época, preferencialmente ao fim de tarde ou início de noite de sábados e domingos. O acordo inclui também a transmissão de dois magazines semanais com resumos da competição, FootBrazil e Highlights.

Vasco da Gama e Fluminense defrontam-se no primeiro jogo transmitido pela SIC Radical.

Nas últimas épocas o Brasileirão foi transmitido em sinal fechado na Sport TV, que em 2014 reconquistou a competição à Benfica TV.

O pontapé de saída é dado já no próximo domingo (29) às 19 horas, com a transmissão em direto do Vasco da Gama x Fluminense, jogo a contar para a 1.ª jornada da Taça Guanabara, o nome com que é designada a primeira fase do Campeonato Carioca.

Na SIC Notícias, “informação e nada mais”

Esta aposta da SIC Radical no futebol brasileiro marca a entrada em jogo da SIC nas transmissões desportivas no cabo. Embora a Radical já tenha transmitido esporadicamente jogos de futebol e futsal, além de vários desportos radicais e de combate, é a primeira vez que o canal temático dedica tanto tempo ao desporto-rei.

Ao contrário da TVI, que tem assegurado um variado leque de direitos de transmissão para o seu canal temático de informação, a SIC optou pelo canal dedicado ao público jovem. Também RTP3 e CMTV têm apostado esporadicamente em transmissões desportivas, embora a CMTV se distinga dos restantes canais por estar registada como generalista.

Com o intuito de se diferenciar da concorrência, a SIC Notícias adotou recentemente a assinatura “Informação. E nada mais.”.