A importância e a influência que as personalidades têm nas redes sociais e por toda internet é inegável. Por isso estamos a ver crescer a quantidade de celebridade que utilizam a rede para exprimirem opiniões e apresentarem marcas, seja por hobby ou realmente negócio.

O mundo do póquer parece ser uma das modas do momento, já que é nesse desporto que algumas das figuras mais famosas do mundo estão cada vez mais presentes. É interessante dizer que muitos deles chegam mesmo a disputar grandes torneios, estando praticamente a um nível profissional.

O que isto demonstra é que divulgação do póquer acaba por não surgir apenas por dinheiro, mas também por gosto. Muitos dos artistas que divulgam a modalidade são também jogadores que tem no desporto um hobby.

O maior exemplo é o jogador de futebol Cristiano Ronaldo. O português é um fã de póquer e não demorou para achar um espaço na carreira para esse outro desporto. “Eu sempre levo a intensidade, determinação e o talento que mostro no campo de futebol para as mesas de póquer. Eu amo o jogo”, afirma o português em divulgação.

O ponta de lança do Real Madrid é um dos responsáveis por uma maior popularização do desporto em Portugal, já que é um dos maiores ídolos do país na atualidade e também com grande destaque no desempenho individual em campo. Ronaldo constantemente é visto nas redes sociais a jogar póquer, seja em casa com os amigos ou até em torneios transmitidos pela televisão.

Ronaldo não foi o primeiro

Mas o português não é pioneiro nesta carreira embaixador do póquer. O antigo tenista Boris Becker foi uma das figuras mais importantes nos anos 80 e 90 no ténis pelo mundo e também se tornou uma figura pública do póquer em 2009.

Depois de se aposentar, o alemão passou a ser uma figura constante no mundo das cartas. Apesar de nunca chegar a ser profissional, sempre afirmou em entrevistas que o póquer era uma paixão. Becker transformou-se assim num dos primeiros a mostrar o mundo do desporto com o próprio rosto. O alemão só diminuiu as aparições como jogador de póquer por conta de “volta” às raquetes: ele voltou ao ténis com um convite para treinar o fenômeno Novak Djokovic.

Além dos já referidos, outros atletas de diferentes modalidades possuem destaque, já que o póquer parece ter caído no gosto de várias figuras no mundo. Fátima Moreira de Melo, ex-jogadora de hóquei, Fernando Alonso, piloto da Fórmula 1, Michael Jordan, ex-jogador de basquetebol, Michael Phelps, nadador campeão olímpico, e Gustavo Kuerten, ex-jogador de ténis, são alguns dos exemplos de várias personalidades presente em mesas e propaganda pelo mundo.

Facto é que o póquer ajuda muitos atletas a se manterem competitivos mesmo depois de se reformarem do seu desporto ‘principal’. Foi o caso do brasileiro Ronaldo, por exemplo. Ele iniciou-se nas cartaz algum tempo depois de se aposentar dos relvados. De toda forma, seja para atletas aposentados – como Becker e Ronaldo – ou para aqueles ainda em actividade, o póquer vem se tornando um excelente e cada vez mais popular exercício mental.