Não digam que eu não vos avisei mas o episódio desta semana de Nashville foi bastante concentrado em Maddie (Lennon Stella), o que não significa que tenha sido necessariamente mau. O novo episódio, intitulado Let’s Put It Back Together Again, estreou no canal CMT no dia 12 de janeiro.

Comecemos pela jovem em questão. Maddie consegue arranjar um estágio no estúdio onde tanto Avery (Jonathan Jackson) como Deacon (Charles Esten) trabalham. Claro que as suas tarefas giram maioritariamente em torno de servir cafés e ser simpática com as pessoas, e ela até parece ser bastante boa no que faz.

A ocasião é a oportunidade perfeita para Maddie conhecer um jovem músico, que canta nas ruas. Clay (Joseph David-Jones) parece ficar também encantado com a rapariga e os dois rapidamente começam uma paixoneta impulsionado pelo amor pela música. Contudo, nem tudo é o paraíso neste episódio.

No estúdio, somos apresentados a Ashley (Bridgit Mendler), uma estrela do YouTube que está agora a gravar o seu álbum. Ashley é o clichê de pessoa detestável: só come certos alimentos, grita com toda a gente e não aceita críticas negativas. Maddie parece não lidar bem com o fato de haver alguém mais irritante que ela própria e começa a dizer as verdades na cara de Ashley, arruinando o seu estágio logo no segundo dia.

Enquanto isso, Juliette (Hayden Panettiere) continua no seu caminho de mil agradecimentos e decide entrar em contato com Hallie (Rhiannon Giddens), oferecendo-lhe até um carro. Hallie parece disposta a criar uma amizade com a protagonista mas vê a oferta como algo fútil e desnecessário – e convenhamos que, de facto, foi.

Ainda assim, Juliette continua a questionar o motivo da sua sobrevivência, perdendo a esperança de voltar a andar e também o apetite pela música. Contudo, quando está a mudar a fralda à sua filha, sente que a criança urinou nas suas pernas e fica para lá de entusiasmada. Uma situação um pouco estranha para mostrar que Juliette está a voltar a ganhar sensibilidade nas pernas, mas enfim.

Na produtora Highway 65, Rayna (Connie Britton) decide concentrar os seus esforços na carreira de Gunnar (Sam Palladio) e Scarlett (Clare Bowen), dizendo-lhe que devem fazer o seu primeiro vídeo. Toda a gente parece entusiasmada com a ideia e só Deus sabe que a produtora precisa urgentemente de algo que a salve da bancarrota.

Agora com a sua fé restaurada, Juliette decide fechar o episódio com uma maravilhosa música em acústico, à medida que Maddie decide pedir desculpas a Ashley e resgatar o seu estágio, bem como implorar perdão a Deacon por toda a situação do tribunal da temporada anterior.

Juliette sempre foi a má da fita da série, mas ela era uma verdadeira diva e nós amávamo-la por isso. Maddie é puramente irritante e eu espero que as suas desculpas sejam sinceras e que ela corrija a sua atitude de uma vez por todas. E já agora, que cure Ashley também, porque só com um episódio já não consigo suportar tal personagem.

NOTA: 7/10