Vão ser quatro as curtas-metragens portuguesas a participar na competição Berlinale Shorts e a concorrer ao Urso de Ouro e Urso de Prata para Melhor Curta-Metragem na 67.ª edição do Festival Internacional de Cinema de Berlim.

O site do evento destaca esta presença portuguesa no festival, escrevendo: “A extraordinária diversidade do cinema português é representada por, nada mais nada menos que quatro produções nas Berlinale Shorts“. Um número que é apenas ultrapassado pelo cinema alemão, representado por cinco curtas-metragens nesta competição que conta com 23 películas.

Os filmes nacionais em competição no Berlinale Shorts são Altas Cidades de Ossadas, exibido em estreia mundial e realizado por João Salaviza, que em 2012 ganhou o Urso de Ouro com a curta Rafa; Cidade Pequena, uma fita realizada por Diogo Costa Amarante e que teve a sua estreia na 24.ª edição do Curtas de Vila do Conde; Coup de Grâce, apresentado também em estreia mundial e realizado por Salomé Lamas e Os Humores Artificiais, do realizador Gabriel Abrantes.

O Berlin International Film Festival terá lugar na capital alemã entre os dias 9 e 19 de fevereiro e esperemos que o sucesso português do ano passado seja repetido, após o Urso de Ouro da edição de 2016 do Berlinale ter sido conquistado pela realizadora Leonor Teles com a sua curta-metragem Balada de um Batráquio.