virgens
To license this image contact: Lonely Planet Images email: [email protected] phone: 61 3 8379 8181

Ilhas Virgens dão bónus de 300 dólares a visitantes

Se as Ilhas Virgens estão na tua lista de destinos a visitar, este é o ano ideal para o fazeres. O arquipélago americano está a oferecer um bónus de 300 dólares a quem passar pelo menos três noites num hotel em São João, São Tomás e Santa Cruz.

O voucher, que pode ser descontado em atividades culturais, surge como celebração do centenário da compra das Ilhas Virgens pelos Estados Unidos.  A 25 de março de 1917, o governo americano adquiriu por 25 milhões de dólares o arquipélago paradisíaco à Dinamarca. O Dia da Transferência é, anualmente, celebrado com paradas e desfiles.

O voucher, no valor de sensivelmente 285€, pode ser levantado nos hóteis selecionados aquando do check-in e pode ser utilizado em diversas atividades como entradas em museus ou passeios culinários.

Os turistas que escolherem o mês de março para visitar o arquipélago receberão, adicionalmente, um souvenir alusivo ao centenário.

A oferta só é válida para viagens marcadas antes de 30 de outubro e que ocorram até ao fim de 2017. Apenas os hóteis associados a esta iniciativa estão autorizados a distribuir vales. Assim, o visitante tem que ter atenção ao escolher o alojamento para as férias. A viagem tem, obrigatoriamente, de ser registada no site oficial da iniciativa e introduzir o código promocional “CP1”.

Segundo a Condé Nast Traveler, 0s voos com destino às Ilhas Virgens, a partir dos Estados Unidos, são relativamente fáceis de encontrar, normalmente por menos de 300 dólares. Aos europeus que visitem o arquipélago é exigida a apresentação de um passaporte bem como algumas medidas de segurança.

Apenas as ilhas de São Tomás e Santa Cruz possuem aeroporto, a Ilha de São João só é acessível por ferry boat.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Entrevista a Marco Horácio: “Sente-se uma energia muito positiva na TVI”