Marcas como a Victoria’s Secret ou Nordstrom vãopassar a ser mais acessíveis, sem sair de casa, através do novo serviço dos CTT. O Express2ME foi lançado na semana passada e permite fazer compras em lojas online que não fazem envios para Portugal.

A empresa gerida por Francisco de Lacerda começou a disponibilizar um serviço que permite contornar as limitações de envio de várias marcas norte-americanas. Se antes não era possível encomendar produtos em algumas lojas online por estas não fazerem entregas para Portugal, agora, com o Express2ME já é.

Como é que se faz?

O registo com uma conta CTT no site do serviço irá levar à atribuição de uma morada personalizada, que inclui o número Express2ME e o endereço postal do armazém dos CTT nos Estados Unidos.

Essa morada, que pode ser usada noutras encomendas que faças no futuro, será a que terás de introduzir na loja online. No entanto, a tua morada deve ser colocada no endereço de faturação.

De acordo com a empresa, quando a tua encomenda chegar a esse armazém dos CTT nos EUA , serás notificado para fazer o pagamento. Depois, num período de 6 a 14 dias, dependendo do processo na alfândega, receberás a tua compra em casa.

A partir dos 17 euros

O Express2ME faz o envio de encomendas até 30 quilos e o custo do serviço é calculado conforme o peso e espaço que a encomenda ocupa. Assim, o preço base do envio é de 17,11€, ao qual são acrescentados 53 cêntimos por cada 100 gramas. A este valor pode ser adicionado um custo diário caso a encomenda fique retida na alfândega por mais de 21 dias.

Para tornar o envio mais barato, é possível usar um serviço de desempacotamento para reduzir o tamanho da encomenda. Além disto, pode ser também adquirido um seguro extra, contra perdas, extravios ou danos, apesar dos CTT garantirem “o envio e segurança das encomendas desde a chegada ao armazém internacional até à entrega em casa do cliente”.