teste

Novo teste promete diagnosticar 17 doenças pelo sopro

Uma equipa de 56 cientistas desenvolveu um método para criar um teste capaz de diagnosticar 17 doenças através do sopro. Este dispositivo apresentou um nível de eficácia de 86% nos testes realizados a 1404 pacientes saudáveis e doentes.

Esta tecnologia funciona como o teste do balão utilizado para medir a taxa de álcool no sangue e propõe-se a detetar diveras doenças, tais como esclerose múltipla, doença renal, doença de Crohn, cancros dos pulmões, do colón e reto, da próstata e dos ovários, assim como dois tipos de Parkinson.

O diagnóstico feito por esta tecnologia passa pelo uso de nano partículas inteligentes capazes de medir a concentração de certos compostos químicos contidos na expiração que possuem uma volatilidade através da qual se pode identificar o estado de saúde do paciente.

Hossam Haick, membro do Technion – Instituto Israelita de Tecnologia, afirma num vídeo institucional que “um dos maiores desafios da era moderna dos diagnósticos é como detetar doenças quando ainda nos sentimos saudáveis” e este aparelho surge como resposta a isso mesmo.

A equipa de investigadores mediu os níveis químicos provocados por cada uma destas 17 doenças e conclui que todas apresentam uma composição específica. No entanto, o dispositivo será sujeito a nova fase de testes para melhorar os níveis de eficácia e avaliar o modo como funciona quando o doente tem mais do que uma das doenças.

Mais Artigos
Grand Army
Crítica. ‘Grand Army’ ensina-nos a lutar por aquilo que importa