O Biggs interrompeu a emissão de Sailor Moon Crystal no final de semana. Depois de ter causado polémica com a censura de vários episódios do anime, o canal temático anunciou um novo horário de fim de semana para a série de animação. Mas o anúncio não foi cumprido: Sailor Moon Crystal não foi para o ar nem no sábado nem no domingo e foi substituída por outros programas.

A transmissão dos novos episódios estava programada para as 21 horas de sábado e domingo, que seriam repetidos duas horas depois. A dúvida sobre se o canal juvenil manteria a promessa surgiu no sábado de manhã, quando Crystal foi retirado da grelha de programação no site do Biggs.

A emissão não ocorreu no sábado. Às 21h foi para o ar a segunda temporada de Digimon Fusion e às 23h o canal transmitiu Inazuma Eleven. No domingo, Digimon Fusion ocupou novamente o horário das 21h, e às 23h foi emitida Pokémon: A Série XYZ.

Lembra: Biggs censura ‘Sailor Moon Crystal’
Sailor Moon Crystal

A decisão do canal poderá significar o cancelamento definitivo do anime.

Cancelamento?

Esta semana, o anime não surge programado para ir para o ar em nenhum dos sete dias, na grelha do canal. Os fãs calculam que o canal possa ter desistido da transmissão da série, após ter sido alvo de duras críticas à ação de censura nos últimos episódios.

Lembramos que a Dreamia, empresa dona do Biggs, decidiu cortar excertos de quatro episódios da atual temporada. Os momentos editados mostravam trocas de afetos entre duas personagens do género feminino, Sailor Uranus e Sailor Moon.

A escolha, afirmaram, teve luz verde do estúdio japonês dono da série, o Toei Animation. “A transmissão do programa na versão em causa, com o acordo do respetivo produtor, decorreu tão-somente de mera opção editorial do canal, ainda que suscetível de suscitar discordância”, explicaram.

O Espalha-Factos contactou o Biggs para obter esclarecimentos sobre o futuro da série. Até ao momento não obteve resposta.