A icónica empresa finlandesa, Nokia, anunciou um novo equipamento para 2017. O Nokia 150 tem um preço modesto, tal como as características.

Depois de ter mudado para “as mãos” da HMD Global, a Nokia volta ao mercado dos telemóveis com o lançamento do Nokia 150. O novo equipamento, também disponível em versão dual-sim, marca o início de uma nova estratégia que… bem, parece manter um pé no passado.

O telemóvel vai ser comercializado na Europa no primeiro trimestre de 2017 e espera-se que custe 26 dólares americanos (~€24,73), não incluindo impostos. Não se sabe é se Portugal será um dos países em que estará à venda.

Com um preço reduzido, vêm características muito modestas. E ainda não é desta que vemos a marca a fabricar um equipamento com Android.

Especificações

  • Ecrã de 2.4 polegadas (240*320)
  • Bluetooth 3.0
  • Leitura de cartões microSD até 32GB
  • Ligação micro USB;
  • Rádio FM
  • Câmara VGA (640*480)
  • Led que funciona como lanterna
  • Bateria de 1.020 mAh
  • Até 22 horas de conversação e até 31 dias (single SIM) ou 25 dias (dual SIM) em standby
  • Corpo em policarbonato e tinta resistente a riscos

Enquanto os grandes players continuam a apostar em ecrãs com maior densidade, processadores com mais núcleos e mais RAM, a Nokia parece querer conquistar uma fatia do segmento low cost.

Apesar de ter características muito abaixo do standard atual, o Nokia 150 surpreende com a duração da bateria, principalmente em standby, e com a utilização de materiais resistentes para a sua construção. Lembra o quase imortal 3310, que já teve direito a muitos memes.