Durante dois dias, o Hospital da Estrela transformou-se para o Concept Fashion Design, uma plataforma conceptual de arte, música, fotografia, pintura, gastronomia e moda. Num ambiente dinâmico e animado, o espaço e recebeu artistas e criadores das mais diversas áreas. Alguns deles de renome, outros emergentes.

Alimentar o corpo, os olhos e a mente

O primeiro dia começou com a estreia da designer Sandra Bravo da Rosa Luís com a sua marca Joan Auguni. A designer apresentou uma coleção de alta costura com os tecidos africanos a serem o material de destaque das peças.

Carlos Santos seguiu este rol de estreias e fez o seu primeiro desfile em Portugal. Rui Oliveira, Pedro Crispim, Francisco Cipriano, Francisco Saturnino e Evandro Gomes foram as participações especiais que desfilaram peças da quinta melhor marca de calçado de luxo no mundo.

Foi Nelson Lisboa quem fechou este primeiro dia. O jovem designer presenteou todos aqueles que vieram assistir ao desfile com uma performance do ator Pedro Barroso. A coleção masculina com peças de cores escuras ficou a par do espetáculo.

O segundo dia começou com o desfile de Hugo Courinha. O jovem designer apresentou uma coleção com peças oversized onde predominou a assimetria.

Isidro Paiva apresentou as suas propostas para a próxima estação quente com Pedro Santana Lopes na primeira fila do seu desfile.

Roselyn Silva fechou o último dia e mais uma edição do Concept Fashion Design. O desfile destacou-se pelos tecidos coloridos e por um corte atraente.

O espaço foi uma mais-valia tanto pelo seu caráter atrativo como pelo facto de permitir aos artistas intervir diretamente no edifício. O mau tempo não foi impedimento para a grande afluência de pessoas.  Nuno Carapinha, diretor adjunto do Concept Fashion Design, admite que esta foi a melhor edição de sempre.