Android, o sistema operativo desenvolvido pela Google, tem sofrido várias críticas por questões relacionadas com privacidade e possíveis melhoramentos à segurança da plataforma. Um dos programadores do projeto Tor decidiu arregaçar as mangas e integrar os dois softwares, tornando a plataforma móvel mais segura.

Mission Improbable é o nome dado por Mike a este seu projeto. O autor não usou o código-fonte do Android. Em alternativa, recorre ao Copperhead, um outro projeto que se baseia no código-fonte do sistema da Google. Em conjunto com a aplicação OrWall, uma firewall para Android que encaminha todos os acessos à internet pela rede Tor, tornam o acesso mais seguro.

A junção destes dois softwares ajuda a mitigar um dos principais vetores de segurança: o utilizador.

Projeto Tor: um sistema encriptado que permite privacidade na navegação

O projeto Tor é um sistema encriptado que permite ter privacidade quando se navega na Internet. O seu funcionamento é, de uma forma simplista, semelhante ao que é muitas vezes retratado nos filmes de ficção científica de segunda categoria: um computador a ligar-se a vários outros, em diferentes pontos do planeta, para esconder a sua origem.

De momento, o Mission Improbable apenas pode ser instalado nalguns Google Nexus e Pixel. O motivo, de acordo com Mike, prende-se com o facto destes serem os únicos equipamentos em que é possível instalar chaves criptográficas próprias sem perder funcionalidades chave do Android.

O projeto não é recomendado para utilizadores menos experientes. Os mais intrépidos poderão tentar sua sorte. Basta, para isso, que façam o download do software e sigam as instruções disponíveis no repositório do Github.

Visitar projeto